Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

domingo, 6 de agosto de 2017

Stranger Things seria uma antologia de histórias

Você certamente já se acostumou com o formatinho tão bacana que tem a série Stranger Things, sendo mostrada como se fosse uma franquia de filmes dos anos 80, onde cada temporada é equivalente a uma sequencia do filme anterior. Mas o formato poderia ser muito mais parecido com American Horror Story ou a série Fargo.



Stranger Things foi lançada em 2016 e encantou muita gente pelas homenagens aos anos 80, sendo tunada de clichês da época, mas apresentando tudo de uma maneira muito sólida. Isso logo gerou fãs e inclusive produtos não oficiais fantásticos, como o RPG de Mesa de Stranger Things ou até mesmo o jogo brasileiro baseado na franquia. E obviamente venda de produtos não oficiais, porque todos querem tirar uma casquinha, tipo as canecas de Stranger Things.

Quando se vê algumas obras como Midnight Special, é que você percebe que não basta homenagear, tem que ter um ritmo gostoso de se assistir. E os irmãos Duffer revelaram em uma entrevista ao ScreenRant que inicialmente poderíamos ver personagens e histórias bem diferentes a cada temporada:

"Tem um pouco de verdade em dizer que a série seria uma antologia. Nós olhamos para It, do Stephen King, e gostamos daquele salto temporal. Então quando nós estávamos vendendo a série para os canais nós apresentávamos ela assim, mas a Netflix estava mais interessada na ideia como uma série. Eles disseram “nós achamos que as pessoas vão se apaixonar por essas crianças. Nós vamos investir tanto tempo com elas que as pessoas não vão querer as abandonarem.” E, claro, eles estavam certos. Quando começamos a montar a sala de roteiristas e a trabalhar no seriado, começamos a desenvolvê-la e pensá-la como um arco de várias temporadas."

Caramba, ein? Sei que é apaixonante pra caramba o formato final da coisa, no entanto assumo que me atrai também por esse formato. Quero dizer, imaginem que loucura ver algo do topo O Enigma do Outro mundo, em uma temporada? Isso também iria deixar a série muito mais duradoura, já que as crianças não envelheceriam.

Por outro lado tem essa questão de que existe um charme peculiar único do jeito que colocaram. Mas é bom desapegar das coisas antes que fiquem ruins né? Mas e vocês, o que acharam disso? Acreditam que seria uma boa? Ou acham que seriam ruim? Ou creem que as duas fórmulas são maravilhosas pra caramba?


Nenhum comentário: