Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

terça-feira, 22 de abril de 2014

Fargo - Uma série com o clima do filme Clube da Luta!

Às vezes eu fico pensando no tanto de obras espetaculares que eu posso ter descartado sem nem ao menos imaginar o quanto eram incríveis. Mas felizmente isso não foi o caso da série Fargo, que eu olhei e pensei bem, tive o mesmo dilema que em Those Who Kill, onde me preocupou se seria algo cansativo demais por se tratar de algo com os pés no chão, sem magia ou algo do tipo. Mas acabei resolvendo assistir, afinal de contas a marca da emissora FX no poster de uma série sempre acaba a tornando sedutora demais e nossa, eu estava certo, pois vendo o primeiro episódio chegou um momento em que me sentei na cama e falei "Caracas, essa trama ta foda demais!". E naturalmente eu tinha que fazer uma análise pra vocês! =D

A história apresenta Lester Nygaard, um homem extremamente fracassado na vida, devido ao seu jeito atrapalhado e medroso, acaba se submetendo às mais variadas humilhações de amigos, familiares e até mesmo de desconhecidos. Certa vez ele reencontra um conhecido de sua escola, e o mesmo o humilha, fazendo com que acabe por quebrar o nariz. Na fila do hospital Lester conhece um homem que começa a perguntá-lo sobre o que aconteceu, e termina a conversa dizendo que se fosse com ele, ele mataria o agressor. A conversa termina com o mesmo perguntando a Lester se quer que ele faça isso por ele, é é nesse momento que a trama começa a andar.



Esse seriado é de 2014, porém foi baseado em um filme de 1996 que eu conhecia apenas por imagens, mas não tinha assistido, mas foi inevitável me lembrar apenas de um filme que é Clube da Luta. A ideia de repentinamente chegar um homem estiloso que incentiva um personagem fraco a começar a tomar atitudes agressivas e por tudo pra fora se vingando sem temer as consequencias carrega demais o clima desse filme. E as coisas também são conduzidas de uma forma incrível, enquanto assistia o primeiro episódio eu não senti como se estivesse vendo uma série, mas sim como se tivesse vendo um filme, o clima faz as coisas se encaixarem muito rapidamente e andarem sem aquela sensação de que logo vai terminar o episódio e vai precisar de um ponto final imediato.

Uma coisa que me assustou quando li uma sinopse, foi a descrição de que a história era uma comédia, porém isso é equivocado, o que acontece é que há um pouco de humor negro devido à personalidade atrapalhada do personagem principal, mas isso não classifica de maneira alguma a série como comédia, ela é até bem sombria e as risadas que podem vir são envolvidas em uma trama bastante estilosa, não aquela coisa trapalhona e que foi feita pra ser algo ao estilo Big Bang Theory, e sim algo mais no estilo a mulher que ficou puta porque o marido morreu em um bordel e diz "Se eu to ligando? Eu estou morrendo de felicidade que aquele desgraçado morreu, eu vou cantar no velório dele lalalalala!", uahahha então tem uns momentos assim mais zuados, porém é algo que gera risada de temas sombrios, não trapalhão.

Enfim, recomendo demais, assista e aproveite cada minuto pois essa série foi uma baita de uma surpresa e acho que muita gente vai gostar mesmo de ver a ira do personagem sendo liberada e o climinha de vingança, e desespero com as consequencias tomando conta da trama.

5 comentários:

Unknown disse...

Sky,eu não sei se vc sabe, mas essa série foi inspirada pelo filme de nome homônimo dos irmãos Cohen,que também têm na netflix.O filme me lembrou um pouco "Onde os fracos não tem vez"

Skywalkerpg disse...

Sim, eu falo isso na matéria. '----'

Matt Kist disse...

"Às vezes eu fico pensando no tanto de obras espetaculares que eu posso ter descartado sem nem ao menos imaginar o quanto eram incríveis".
Muito legal que você pensa assim, Sky. É mais fácil simplesmente ter preconceito e sair descartando tudo que não é popular, ou que é popular de mais, ou que é feio de mais, ou que é bonito de mais...
Só por causa dessa frase, eu vou dar uma dica pela segunda vez para você, desde que eu li sua matéria sobre 'Dark Forces': 'Dark Forces II'.
Abraço

Skywalkerpg disse...

Ah os jogos do Star Wars eu conheço kkkkkk, só que nem sempre eu faço as análises sobre, as está na minha lista fazer análise de um por um deles. Ò__Ò!

MJJHOT disse...

Estou adorando a série, genial!