Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

terça-feira, 5 de dezembro de 2017

Diferenças entre a HQ e a série The Walking Dead 8x06

Esse é um especial onde faço uma comparação entre as diferenças entre os episódios da série The Walking Dead e as edições da revista em quadrinhos The Walking Dead. Caso você queira ver a lista de episódios de todas as temporadas, pode conferir aqui: 


Se o que você está procurando é onde conseguir ler The Walking Dead, saiba que a revista em quadrinhos foi lançada no Brasil e pode ser encontrada por preços bem bacanas com vários outros conteúdos da franquia. Quando foi lançada por aqui a franquia não era conhecida, então o nome ficou como "Os Mortos Vivos". Se você ainda não assistiu, saiba que obviamente eu vou comentar sobre quem morreu. Mas chega de papo e agora vamos para a comparação!

Esse episódio começa com a carta avisando sobre a derrota de Ezekiel, essa cena é referente também à edição 118, a mesma em que Shiva morre, aliás o pessoal da série acabou sugando bastante de açho tão pequeno, nos quadrinhos isso passa realmente rápido, são apenas oito páginas apresentando a narrativa.

Algo que diferencia nessa parte é a lamentação do Rei, na série o que ele lamenta é ser uma farsa, estar atuando. No entanto a versão da HQ lamenta não ter morrido por dois motivos, o primeiro é que ele poderia ter sido visto como um mártir e empolgar as pessoas a continuarem, e o segundo motivo é que assim não perderia Shiva.

Então o Ezekiel da HQ sabe sim que é atuação o lance de rei e tudo mais, porém ele não sente que tudo é um teatrinho, luta de verdade. Outro detalhe que muda aqui é que a pessoa que vai atrás dele é Michonne. Nos quadrinhos é ela que vive as partes que estão sendo colocadas para Carol no seriado, portanto no geral esse climinha de romance é todo em cima de outra personagem.

O lance dos prisioneiros e climinha tenso entre Maggie e Jesus não existe na HQ. Na série parece que decidiram levar mais a sério a ideia de paródia de Jesus da bíblia, pois o personagem é bondoso demais. A versão da HQ ele é um lutador, é bom, mas não faz coisas tão absurdas, ele vai até onde dá, mas não coloca o resto do grupo em risco. Seu apelido é mais pelo cabelão e barba do que pela bondade.

Esse personagem que Carl encontra não existe na HQ, assim como o planinho feito por Rosita, Tara, Michonne e Daryl. Há cenas mais ou menos desse tipo, porém não uma exatamente desse jeito. Aliás que diabos de gif animado foi aquele com o personagem explodido por uma bazuca? A galera dos efeitos especiais parece ter perdido a vergonha completamente desde a cena do veado extremamente mal feito da temporada passada.

Lembrando que também não existe o grupo que gosta de fazer performances no lixo e é liderado pela mulher de chapinha com cabelo impecável. Não sei vocês, mas achei esse grupo ridículo pra cacete, um monte de gente de preto no lixo fazendo performances artísticas e esculturas? Fala sério, tira o realismo demais da coisa. Quero dizer, eles não forçam tanto pra ser um drama e fazer as pessoas chorarem? Então que façam direito, até terem colocado o reino (que tem na HQ) achei tosqueira, então colocar algo tão forçado quanto foi bem desnecessário (ao meu ver é claro).

Basicamente essas são as diferenças. Mas e aí, o que acharam do episódio? O que acharam da ideia do Reino? Se empolgaram com algo tão diferente? Ou acharam uma tosqueira louca? E se você estiver afim de ler as HQ's de The Walking Dead, pode dar uma conferida aqui.

Nenhum comentário: