Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

quarta-feira, 6 de agosto de 2014

Time Mysteries: The Ancient Spectres

E chegou a hora de mais uma história de mistério com clima lovecraftiano criado pela Artifex Mundi, e claro, para aqueles que gostam de um toque sombrio, acaba sendo um jogo capaz de deixar bem viciado, isso sem contar que como sempre, a empresa teve todo o cuidado em adaptar o jogo para português do Brasil, o que é maravilhoso!

A história é bastante típica das tramas aplicadas pela empresa, como a maioria das vezes aqui você assume o papel de uma personagem feminina. O ano é 1830 e Ester é uma mulher que até então não sabe da existência de parentes distantes, porém acaba descobrindo ao receber uma carta de uma tia, que lhe fala de uma herança que recebeu, e que agora uma enorme mansão é sua. Ela fica surpresa ao ver que a mansão é um lugar que ela tem visto em seus sonhos já há algum tempo, em meio a pesadelos e visões estranhas, como uma árvore com olhos, que a lembra um homem.

Como podem ver, existe todo aquele climinha, sonhos estranhos, um lugar macabro, e um mistério por trás de tudo isso. Eu realmente adoro o clima que essa empresa costuma colocar em seus jogos e manter de maneira tão forte aquela essência de que se está lendo um conto ou algo assim, é bem fantástica, e especialmente aqueles que querem jogar um jogo tranquilo que consegue fazer relaxar e entreter com a história, esse consegue saciar bem essa vontade.

A jogabilidade é a de um point and click, mas como sempre a empresa preferiu usar a perspectiva de primeira pessoa em cenários estáticos, portanto você vê apenas o ambiente, e interage com ele. Apesar disso há um esforço visível da equipe de criação em te fazer sentir como se estivesse mesmo andando pelos cenários, por exemplo já no início, quando você sai da casa de Ester, há uma carruagem, e se você clicar nela, vê uma animação muito fluída da carruagem andando e e você olhando para o lado de fora, para só então surgir o novo cenário.

Graficamente o jogo parece 9 Clues: The Secret of Serpent Creek, e usa aquelas tradicionais imagens super bem feitas que a empresa tanto adora, porém não utiliza do 3D que a empresa apresenta em alguns jogos, mantendo mais as imagens estáticas. No entanto o 2D usado é de muito bom gosto, por exemplo se você olhar pela janela da casa de Ester, é possível ver lá em baixo pessoas caminhando, ficou muito bonito de se ver esses pequenos detalhes.

Enfim, fica aí mais uma dica daqueles jogos com climinha de conto de mistério, e perfeito para se jogar em um fim de noite antes de ir dormir. Recomendo muito, quem se interessar pode dar uma conferida no site oficial do jogo.

Nenhum comentário: