PS5 sofreu com a demo de Forspoken, mesmo sendo versão do jogo com downgrade

A Luminous Productions se destacou em 2016, quando lançou Final Fantasy XV, sendo um jogo que teve uma ótima recepção no Metacritic e vendeu bem. E assim quando a subsidiária da Square Enix anunciou Forpoken para Playstation 5 e PC (Via Steam e Epic Games Store, o povo foi à loucura e cada vídeo novo foi empolgando mais, gerando falatório no Reddit sobre como seria o novo RPG eletrônico da empresa. No entanto a demo para o console da Sony deixou muita gente decepcionada e com o caos que foi o jogo dos Vingadores, a comunidade não perdoou.
 
Vez ou outra surge alguma polêmica dentro do mundo gamer, indo desde coisas diretamente dos gigantes, como Phil Spencer perdendo a paciência com a Sony, até tretas locais, como a desfeita que foi High On Life sair sem legendas em português. E claro, tem vezes que o povo fica revoltados diretamente com um título. E com Forspoken isso acabou acontecendo.

É claro que, apesar de não ser uma franquia conceituada de longa data como Resident Evil ou Assassin's Creed, o jogo manteve o limite do hype, se tratando de algo novo. No entanto, é o mesmo caso de Starfield, o fato de ser um Triplo A de uma grande empresa e com investimento ter sido tão grande, deixou o povo vidrado. Toda a jogabilidade agitada e o uso do poder gráfico da nona geração de consoles, foi deixando o povo encantado.
Mas ao lançar uma demo para o console Sony Playstation 5, a Square Enix fez com que muitas pessoas começassem o falatório, primeiro com pessoas apontando os gráficos que pareciam ter sofrido um downgrade e ficando bem longe de outros lançamentos da mesma época, como The Callisto Protocol e God of War Ragnarok.

Mas o que mais irritou alguns, foi o performance suado, mesmo com os gráficos parecendo mais enxutos. É bem frequente acontecer de jogos em algumas plataformas sofrerem, o próprio Elden Ring causou muitos problemas para jogadores de PC, sendo que mesmo donos de poderosas Nvidia Geforce RTX às vezes tiveram alguma coisa.

No entanto para jogos de PC, ainda existe a desculpa de incompatibilidade, erro no sistema operacional ou qualquer outra coisa, porém, enquanto videogames comoo Nintendo Switch e Xbox Series S recebem uma colher de chá por serem consoles com configurações limitadas, os consoles Xbox Series X e Playstation 5, sempre tiveram uma exigência grande em relação a performance. O canal VG Tech decidiu fazer um teste técnico e o resultado foi um vídeo imenso, onde citaram que:
 
"O jogo no PS5 no modo de desempenho usa uma resolução dinâmica com a resolução mais alta sendo 2560x1440 e a resolução mais baixa sendo 1280x720."

No modo resolução dinâmica, o foco é fazer de tudo para manter 60fps para a coisa ficar fluída possível. No entanto, a forma de fazer isso é diminuindo a resolução nos momentos mais frenéticos, e aumentando nas horas paradas. Porém a demonstração de Forspoken no Playstation 5 conseguiam manter muito pouco

"PS5 no modo ray tracing de 30fps usa uma resolução dinâmica com a resolução mais alta encontrada sendo 2880x1620 e a resolução mais baixa encontrada sendo 1472x828. A resolução de renderização muda frequentemente no modo ray tracing de 30fps e parece raramente atingir 2880x1620 e raramente cair para 1472x828. PS5 no modo Ray Tracing parece estar usando FSR 2 para reconstruir uma resolução de 3840x2160."
Os jogadores não perdoaram e caíram em cima, reclamando do visual do jogo ser muito limitado para não aguentar manter a coisa de forma mais fluída. A Square Enix já tinha deixado muita gente revoltada com outras obras obras problemáticas e para muitos isso foi a gota d'água. Anteriormente tivemos por exemplo o CEO da Platinuum Games pedindo desculpas por Babylon's Fall.

Apesar de tudo, muitos jogadores viram a coisa apenas como uma demo, citando obras de sucesso da Square Enix, como Final Fantasy VII e toda a sua história com jogos variados. E você, o que achou dela ter lançado uma demo assim? Te preocupou? Ou achou normal? Confira mais coisas interessantes no Blog Nerd Maldito.

Caso queira comprar keys de jogos baratinhas, recomendo sempre dar uma olhadinha no preços das keys da Steam (e outras lojas) à venda na GMG, muitas vezes os preços deles estão bem abaixo do normal, e comprando keys lá, você acumula XP, que gera várias vantagens como descontos extras nas próximas compras e até jogos grátis! Dê uma conferida aqui.

(DICA: Fica de olho nos CUPONS DE DESCONTO que costumam aparecer na página inicial da GMG frequentemente! O preço cai muito!) 

Postar um comentário

0 Comentários