EA Games esculhambou fã no Twitter, mas revoltou a comunidade e se desculpou

Sejam jogadores de console, seja donos de PC Gamers, tem algumas empresas que os fãs de videogame conhecem com força... Ubisoft, Blizzard, Rockstar Games, Bethesda... E entre os vários estúdios e conglomerados, temos obviamente a Electronic Arts, que consegue dar o que falar com uma certa frequência. E, infelizmente, muitas vezes esse falatório acaba sendo extremamente negativo pelas atitudes da empresa, sendo uma delas, uma treta com fã, relacionada ao Need for Speed 2022.
 
Não dá pra negar que a EA teve forte parte na história dos videogames, tanto que emuladores como Dolphin e PCSX2 fazem o povo ir à loucura relembrando os velhos tempos não apenas com jogos como God of War II, mas frequentemente com jogos mais nichados como os de corrida, tipo Midnight Club 3: Dub Edition e Midnight Club: Street Racing, além de que, claro... A EA deixou boas lembranças com jogos como Need for Speed Carbon e Need for Speed Most Wanted.

E o passar dos anos deixou grandes lembranças nessa franquia, tanto que fãs gritaram por anos por pelo menos um Need for Speed Underground 2 Remastered para relembrar os velhos tempos. Mesmo com muitas outras franquias e jogos de corrida que deixaram sua marca, indo desde Burnout Paradise e Forza Horizon 5 a Gran Turismo 7 e Grid Legends. Porém na medida em que os anos passaram, a franquia NFS se adaptou aos padrões da EA, e durante a interação de marketing de Need for Speed Unbound com a comunidade, a empresa acabou perdendo a cabeça com um fã.
Todos vocês devem saber que é padrão de algumas empresas, adicionarem conteúdo diferenciado com DLCs, expansões, edições especiais e até mesmo NFTs. E a EA investiu pesado nisso, sendo uma das maiores críticas dos fãs em cima da empresa. Ela fez por exemplo, muitas parcerias pra tirar o melhor proveito de nichos variados. F1 22, por exemplo, ao mesmo tempo que mexia com os fãs empolgados com o Campeonato Mundial de Fórmula 1 2022, foi lançado com a "Champions Edition", custando R$100 a mais e vindo com algumas coisinhas extras.

Quando um fã viu que aqueles que pagassem pela edição mais pela edição "Need for Speed Unbound Palace Edition", não ficou satisfeito e foi reclamar no Twitter. Claro que existem reclamações de todos os tipos coma empresa, seja falando que o EA Anticheat service encontrou um erro, sejam questões sobre o Web App Fifa 23, ou sobre o The Sims 4 ter ficado gratuito, mas as expansões não. Porém parece que alguém tocou no calo porque reclamou de quem pagar mais ter direito ao download com 3 dias antecipados e assim a EA brigou com um fã em público. Olha a conversa:
  • Need for Speed: Vocês pediram e nós ouvimos! Faça a pré-compra de Need for Speed Unbound: Palace Edition hoje para ter direito a 3 dias de acesso antecipado a Lakeshore City. (E colocou um vídeo de gameplay no tweet)
  • Fã: Pera aí - Pelo o que nós pedimos e pelo o que vocês atenderam exatamente? Pagarmos mais para ter 3 dias de acesso?
  • Need for Speed: Vídeo de gameplay...? 3 dias de acesso antecipado sempre estiveram lá, ler é fundamental.
  • Fã: Ah certo - cobrar um extra à sua base leal de fãs para jogar 3 dias antes não é realmente legal e um pouco explorável, ter relação com o cliente é fundamental.
  • Need for Speed: Cérebro de Milk Shake.
  • Fã: Companhia de Milk Shake.
  • Need for Speed: Pode chorar sobre isso mano 🤷‍♂️ ou compre pelo preço normal eu não tô nem aí.
  • Fã: Eu iria comprar o jogo no dia do lançamento, mas devido ao administrador dessa conta - você perdeu a venda. Parabéns, continue nervoso e continue sendo relevante para crianças de 12 anos. Você não é nem metade do legal que pensa ser chefe. Você é uma VERGONHA e nada profissional.
  • Need for Speed: Eu não vou ler isso aí tudo, desculpe pelo o que aconteceu com você ou parabéns.
Obviamente a conversa foi completamente fora do padrão que uma empresa deveria tratar o cliente, tendo clima de barraco que foi desde chamar o fã de chorão e cérebro de milk shake, até no final fingir que não leu, por isso não sabe se tem que dar parabéns ou lamentar. E, claro... A comunidade foi à loucura, fazendo escândalo! A EA tem várias contas, indo desde FIFA 22 ao EA Play (Antigo EA Access e Origin Access). E essa foi uma conta verificada oficial de Need for Speed.
 
Logo alguns começaram a falar sobre boicotar o Origin e ficar apenas com concorrentes como a Epic Games Store, Steam, Ubisoft Connect e etc... Além de evitar pegar jogos no lançamento, com ameaças se referindo a pirataria, envolvendo Piratebay, Fitgirl repack e winrar... Já outros foram mais pacíficos, explicando que a conta não falou nada agressivo demais e que o fã que era um chorão mesmo em relação a isso.

Uma outra desculpa sobre a briga da EA com fã, é que a empresa é grande demais e tem gente demais, fazendo com que seja difícil controlar tudo. Muitas parcerias, como a que fez com a Amazon Prime Gaming para oferecer jogos pra assinantes Prime, ou as tantas plataformas que está presente, indo muito além do PC e tendo presença desde consoles antigos como o Microsoft Xbox 360 até o PS5 e Nintendo Switch, ou mesmo celular.
Mas no fim das contas, independente dos apoiadores da empresa sobre fãs serem muito frescos, a coisa deu o que falar a ponto da EA resolver se manifestar sobre o assunto, primeiro apagando o que colocou para o circo não pegar fogo mais do que já tava e então colocando um novo Tweet para se redimir um pouco, onde disse:

"Admitimos que ficamos um pouco presos no hype do lançamento e algumas de nossas respostas recentes nas redes sociais passaram dos limites. Aos fãs que chateamos, pedimos desculpas. Faremos melhor. Vejo você aqui na próxima semana."
 
Obviamente muitos fãs não deixaram nada barato, alguns desprezando a franquia, dizendo que era boa desde o primeiro Need for Speed Hot Pursuit no final dos anos 90 até Need for Speed 2015 (o qualquer outro período entre jogos da saga) e depois caiu em desgraça, enquanto outros foram mais agressivos com a empresa como um todo, relembrando o caos que foi Battlefield 2042 e outros vacilos.

Claro que tiveram também protetores, indo desde pessoas que de coração aceitaram as desculpas, explicando que todos erramos e que são pessoas por trás da empresa, e não máquinas. Até os que citaram as partes boas da empresa, indo desde brasileiros elogiando ter frequentemente jogos d EA dublados em português brasileiro, até a protegendo das acusações de bugs, apontando e outros jogos que vieram bugados desde as antigas, como Grand Theft Auto IV, (GTA 4).

Enfim, e você? Acha que o fã mereceu? Ou que a EA passou muito do limite em suas respostas? E quanto ao jogo? Já conferiu os requisitos de Need for Speed Unbound para ver se roda no seu PC? O jogo  foi desenvolvido para Sony PlayStation 5, Microsoft Xbox Series X e Series S, Microsoft Windows. Ou vai passar é longe? Aliás queira comprar uma key baratinha de jogos variados, recomendo sempre dar uma olhadinha no preços das keys da Steam (e outras lojas) à venda na GMG, muitas vezes os preços deles estão bem abaixo do normal, e comprando keys lá, você acumula XP, que gera várias vantagens como descontos extras nas próximas compras e até jogos grátis! Dê uma conferida aqui.

(DICA: Fica de olho nos CUPONS DE DESCONTO que costumam aparecer na página inicial da GMG frequentemente! O preço cai muito!) 

Postar um comentário

0 Comentários