Veja GTA 5 sendo jogado em um Game Boy de 1989

O poder da tecnologia nos permitiu fazer coisas incríveis, mas simplesmente não conseguimos deixar o passado para trás, talvez no desespero de sonhar em como o futuro poderia ter chegado mais cedo e talvez por isso vemos tão frequentemente o maravilhoso mundo dos demakes, apresentando mecânicas modernas que poderiam sim ter sido aplicada na era dos jogos 2D. Porém às vezes as coisas vão além e um exemplo foi a forma que acharam de fazer ser possível jogar jogos pesadíssimos de décadas à frente em um Game Boy original de 1989.

A forma que ele achou de possibilitar isso, foi criando um cartucho especial com Wifi, que tem capacidade de receber jogos via streaming e permite assim que os jogadores se divirtam. Para muitos pode parecer muita gambiarra e algo que nunca funcionaria nos anos 80, mesmo que existisse Wi-Fi. No entanto não é bem assim, se você ver que muita gente joga com Geforce Now em celulares. E é basicamente isso, um jogo pesadíssimo que não tá rodando no dispositivo, mas tá sendo jogado mesmo.

Ou seja, imagina se tivessem conseguido acelerar esse processo de conexão sem fio? O tanto de coisas que não seria possível? Até porque se você pensar, a Nintendo brincava muito com as possibilidades e tinham uns acessórios bem loucos, como a câmera do Game Boy, que dá pra ver que já despertou o desejo de selfie nas pessoas.

E dá pra ver que mesmo portáteis antigos em geral já se mostravam na vontade de ir além, é só ver os gráficos cabulosos do Resident Evil 2 para Game Boy Advance, ou como a coisa conseguiu se aproximar da qualidade do PS1 no Alone in the Dark pra Game Boy. Ou mesmo como a cabeça do povo explode ao descobrir que existiam Jogos 3D no Super Nintendo.
E o canal "There oughta be" decidiu brincar com a possibilidade que a tecnologia oferece, junto à criatividade para fazer essa façanha. E assim, ele aproveitou o fato de que como cartuchos são uma peça, isso os permite vir com possibilidades especiais. E pra você ver como a ideia realmente funcionaria no passado. O jogo Boktai do Kojima vinha com um sensor solar no cartucho que o permitia algo único, que era usar o sol a seu favor.

No entanto existe toda uma limitação técnica da coisa. É preciso lembrar que trata-se de um portátil de uma época onde fps não era algo tão importante, além da resolução não ser imensa. De qualquer forma ainda é possível realmente jogar a bagaceira. E assim você tem uma resolução de 360 pixels e dá pra jogar a 20 fps.

Outra coisa é que foi preciso toda uma codificação própria da coisa para que funcionasse, Em especial o tempo de resposta do wifi  e a opção de pedir dados sobre a conexão. Sem contar a adaptação da tela, já que não era widescreen naquela época e sim algo quadrado. Apesar de ser só um teste, a coisa já foi aplicada de uma maneira muito mais útil para o público geral com aquele aparelho que permite jogar Super Nintendo Online, dando assim mais sentido para pessoas adquirirem o console em tempos modernos.

Postar um comentário

0 Comentários