Diferenças entre a HQ e a série The Walking Dead 9x05

Esse é um especial onde faço uma comparação entre as diferenças entre os episódios da série The Walking Dead e as edições da revista em quadrinhos The Walking Dead. No caso essa é a postagem base da oitava temporada e vou colocar aqui os links para os outros episódios, caso você queira ver a comparação entre as outras temporadas, pode conferir aqui:



Se o que você está procurando é onde conseguir ler The Walking Dead, saiba que a revista em quadrinhos foi lançada no Brasil e pode ser encontrada por preços bem bacanas com vários outros conteúdos da franquia. Quando foi lançada por aqui a franquia não era conhecida, então o nome ficou como "Os Mortos Vivos". Se você ainda não assistiu, saiba que obviamente eu vou comentar sobre quem morreu. Mas chega de papo e agora vamos para a comparação!

Tá aí um episódio que já aguardei muito irritado. Começando pela própria AMC que ficou gritando pra Deus e o mundo que o Rick ia sair da série. Uma atitude ridícula ao meu ver, sinceramente, espero que a moda não pegue, imagina a HBO falando "Gente, no próximo episódio de Game of Thrones o fulano vai morrer tá? Não precisam se preocupar em ter surpresas mais!". Porém acho que essa foi uma forma imatura da empresa tentar evitar a ira dos fãs igual aconteceu com a morte do Carl, aí resolveu falar antes de acontecer.

Outro motivo foi no episódio 4 um site aí especializado em The Walking Dead colocar "O Rick MORREU no último episódio". Tá ok que ele não morreu, mas só o fato de terem colocado isso já me deixou ligado que iria acontecer alguma coisa. Poxa, é tão difícil entender que existem pessoas que querem ter a emoção da surpresa?

O episódio começa com delírios do Rick graças à dor. Algo interessante que não usaram mais na série e na HQ também chutaram, é o fato do Rick ter desenvolvido uma doença mental que o fazia ouvir a voz da Lori (ex mulher dele pra quem não lembra) em um telefone. O máximo em relação a delírios que se tem na HQ é isso, embora seja perfeitamente lógico acontecer isso com o personagem em uma condição dessas.

Os únicos ferimentos graves nesse nível aí que Rick o tem na HQ são diferentes.  O primeiro é a mão decepada pelo Governador, coisa que não aconteceu, e o segundo é a perna quebrada pelo Negan na luta final, coisa que também não acontece. Agora algo que o faz delirar desse jeito simplesmente não acontece, até porque ele continua sendo o líder.

Eu achei bacana terem aproveitado esse momento para mostrar personagens que já morreram. Imagino que a maioria agora esteja mais familiarizada com o Shane (já que o ator passou a interpretar o Justiceiro). Mas a minha maior surpresa foi ver o Hershel, pois o ator que interpreta ele faleceu, então me surpreendi em ver que tinham gravado.

Na HQ Maggie tenta matar Negan sim, no entanto é em um outro momento beeem mais à frente. Ela aproveita a oportunidade quando o personagem não está mais nas garras de Rick. Um detalhe é que Negan não fica acabado igual apareceu no episódio. Ele fica normal e leva as coisas com naturalidade, inclusive parece muito bem quando Maggie surge, mas ele realmente implora para que ele o mate. No entanto na versão da série ficou muito mais dramática a cena. Achei convincente, menos a parte que ele simplesmente volta pra cela quando ela manda.

O grupo misterioso que leva Rick eu imagino uma possibilidade, no entanto ainda é algo nebuloso, pode ou não ser um grupo que aparece mais pra frente, é meio difícil dizer porque a atitude deles no geral não se encaixam muito bem com esse outro grupo, ainda mais tendo ligação com a moça do lixo, que é bem esquisitona.

O salto temporal existe na HQ, porém Judith não está lá, ela morreu bebê ainda, isso é novo. Carl está vivo e ele se encaixaria melhor nessa cena de salvar aqueles personagens. Aliás, se não colocaram essa cena só pra apresentar a Judith, esses personagens salvos realmente existem na HQ, são um grupo de amigos meio desconfiados. Se for isso mesmo, é uma ótima forma de introduzir o novo rumo que a série tomará.

Enfim, gostei demais desse episódio, achei muito bem dirigido e com um toque dramático na dose certa. Se essa foi mesmo a forma de saída do Rick da série, podemos imaginar que foi mais umas férias para o ator. Também gostei do toque pesado que colocaram em cima de Daryl, pois no geral ele pode se culpar bastante por isso ter acontecido.

Basicamente essas são as diferenças. Mas e aí, o que acharam do episódio? O que acharam da ideia do Reino? Se empolgaram com algo tão diferente? Ou acharam uma tosqueira louca? E se você estiver afim de ler as HQ's de The Walking Dead, pode dar uma conferida aqui.

Comentários