Diferenças entre a HQ e a série The Walking Dead 9x02

Esse é um especial onde faço uma comparação entre as diferenças entre os episódios da série The Walking Dead e as edições da revista em quadrinhos The Walking Dead. No caso essa é a postagem base da oitava temporada e vou colocar aqui os links para os outros episódios, caso você queira ver a comparação entre as outras temporadas, pode conferir aqui:


Se o que você está procurando é onde conseguir ler The Walking Dead, saiba que a revista em quadrinhos foi lançada no Brasil e pode ser encontrada por preços bem bacanas com vários outros conteúdos da franquia. Quando foi lançada por aqui a franquia não era conhecida, então o nome ficou como "Os Mortos Vivos". Se você ainda não assistiu, saiba que obviamente eu vou comentar sobre quem morreu. Mas chega de papo e agora vamos para a comparação!

Esse episódio começa com a conversa de Rick com Negan, não sei como alguém que não leu o HQ viu a coisa, mas de cara já soube que estava falando com ele. Se você só assistiu diz aí se conseguiu sacar imediatamente que ele estava falando com o Negan. Nos quadrinhos isso acontece de vez em quando, é tipo uma forma de aliviar a tensão de Rick.

Algo curioso é que assim que Negan é vencido e o colocam na cadeia, Carl ainda criança passa a ir conversar secretamente com Negan, e isso faz bater um certo arrepio, pois parece que o vilão o está manipulando, até mesmo porque os dois conversam numa boa. Mas logo é revelado que Carl sabe bem que não deve se deixar levar.

O romance entre Carol e Ezekiel não rola. Nos quadrinhos esse romance é entre Ezekiel e Michonne, no entanto acredito que eles acharam que pode ter ficado forçado o fato dos dois serem negros e não ficar aquela ideia de "Negros só casam com negros", lembrando que nos EUA a coisa é bem menos misturada do que aqui no Brasil e em alguns lugares existem comunidades inteiras só de negros ou só de brancos. Lembrando também que Carol na HQ morreu na época da prisão.

Os problemas na construção não rolam na HQ, apesar de ser mostrado rapidamente os primeiros dias dos personagens após Negan, logo há um salto temporal para quando as três comunidades já estão fixas. Dwight é quem controla o santuário, mas ele consegue manter as coisas no controle, diferente de Daryl que mostra não controlar bem os caras.

De resto o episódio está cheio de pontinhas de coisas que não acontecem, não tem uma treta tão grande com os pais do moleque que morreu, não tem o romance do padre Gabriel, o lance da Maggie sendo mão firme até que tem mais ou menos, só que não exatamente desse jeito, ela age feito uma líder, mas o ar é menos tenso.

Basicamente essas são as diferenças. Mas e aí, o que acharam do episódio? O que acharam da ideia do Reino? Se empolgaram com algo tão diferente? Ou acharam uma tosqueira louca? E se você estiver afim de ler as HQ's de The Walking Dead, pode dar uma conferida aqui.

Comentários