Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

segunda-feira, 4 de dezembro de 2017

Diferenças entre a HQ e a série The Walking Dead 8x05

Esse é um especial onde faço uma comparação entre as diferenças entre os episódios da série The Walking Dead e as edições da revista em quadrinhos The Walking Dead. Caso você queira ver a lista de episódios de todas as temporadas, pode conferir aqui: 


Se o que você está procurando é onde conseguir ler The Walking Dead, saiba que a revista em quadrinhos foi lançada no Brasil e pode ser encontrada por preços bem bacanas com vários outros conteúdos da franquia. Quando foi lançada por aqui a franquia não era conhecida, então o nome ficou como "Os Mortos Vivos". Se você ainda não assistiu, saiba que obviamente eu vou comentar sobre quem morreu. Mas chega de papo e agora vamos para a comparação!

Esse episódio começa apresentando uma situação no passado, aparentemente após Gabriel ter sacrificado seus seguidores. Digo isso porque não faria muito sentido ele pedindo para não ter uma morte fútil e feito isso. Aparentemente é um momento depois dele ter se arrependido, apresentando o medo de depois daquilo tudo só morrer de um jeito bobo.

Nos quadrinhos o padre realmente faz isso, no entanto não existe esse flashback, até porque não daria muito certo nesse tipo de mídia, mas é perfeitamente adequado apresentar algo assim na série. Ao invés de só mostrar ele se lamentando (coisa que faz frequentemente na HQ), é mostrado um flashback no lugar de um pensamento.

E então temos a cena de Gregory, que acontece pouco antes do episódio 1 e então simultaneamente. O personagem realmente chega a ir avisar os Salvadores sobre o que estava rolando, porém não é mostrada assim a fundo, ele apenas passa o aviso, mas realmente sem ter ideia do que está acontecendo, só quando volta que descobre.

As cenas entre ele e Negan não acontecem, na verdade ele tem muito pouca participação durante essa guerra nos quadrinhos. Sendo assim realmente não há nada quanto ao lance da confissão, porém a revelação da esposa de Negan foi uma surpresa, isso porque só acontece muuuuuuuiiito depois. Não imaginei que iam tacar de cara assim.

Sobre o lance da desconfiança de traição de Eugene e Dwight, não há essas cenas na HQ, até porque Eugene nunca se torna Negan, a versão dos quadrinhos fica barra pesada pra caramba quando é sequestrado e fala que não tá nem aí e podem fazer o que quiser. Portanto não dá pra desconfiar dele já que nunca entra na equipe, enquanto Dwight.

Cenas de Daryl e Rick não rolam já que o arqueiro não existe na HQ. E a revolta dos trabalhadores também não ocorre, mas poderia rolar se desconfiassem que Negan morreu, isso porque é exatamente daquele jeito, um bando de gente que parece refém e fazem tudo na base do medo.

Basicamente essas são as diferenças. Mas e aí, o que acharam do episódio? O que acharam da ideia do Reino? Se empolgaram com algo tão diferente? Ou acharam uma tosqueira louca? E se você estiver afim de ler as HQ's de The Walking Dead, pode dar uma conferida aqui.

Nenhum comentário: