Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

sábado, 1 de novembro de 2014

Roommates - Um visual novel simulador de universitários

Já faz um baita tempo desde a última vez que analisei um Visual Novel aqui no blog, então hoje vou postar aqui uma matéria sobre Roommates, um jogo que carrega muito bem a essência desse gênero e acaba sendo atraente tanto para o público masculino como feminino, mas naturalmente é o tipo de obra que antes de tudo é preciso que a própria pessoa se atraia pelo estilo, o que o limita a uma certa audiência um tanto específica.

Aqui acontece algo diferente em relação à maioria dos jogos da Winter Wolves, na história você tem a possibilidade de escolher entre dois personagens para controlar, Max e Anne são as opções. Tudo se passa em uma faculdade, e você tem que viver o dia a dia deles nos dormitórios e também administrando os seus afazeres e relacionamentos.

Como podem ver, o jogo carrega muito bem a essência de um jogo do gênero, e logo desde o início, eu percebi que pareceu ter sido feito com um carinho extra pela desenvolvedora, a começar pelo menu de introdução com uma música própria, algo que marcou um bocado Always Remember Me que também tinha uma introdução, e depois a possibilidade de escolha entre personagens. Somando e adicionando diversos elementos que vi em jogos anteriores da desenvolvedora, ficou notável que o investimento foi maior e assim a experiência gerada foi perfeita para novos jogadores no gênero.

Existe uma ótima sensação de liberdade dentro do jogo, e você se sente como se realmente estivesse controlando algum deles e vivendo o dia a dia, há constantes pausas para escolhas que você pode fazer, e assim a coisa fica menos cansativa. Existem muitos Visual Novels que acabam tendo o problema de superlotar a jogabilidade com textos e demorar séculos para que haja uma opção, fazendo mais parecer um livro com imagens, mas aqui as opções surgem mais constantemente.

Você pode modificar a sua agenda semanal e planejar o que vai fazer durante os dias da semana e turnos, podendo melhorar suas habilidades em certos aspectos, estudar, interagir com outros personagens, entre outras opções. Existe um calendário que apresenta a semana e você pode selecionar imagens e arrastar pra esses dias e turnos. Outra coisa legal é que há também os eventos aleatórios que podem surgir do nada e te colocar para interagir.

Graficamente o jogo tem o tão conhecido estilo anime de ser, e assim os otakus com certeza acabam sendo os primeiros a se atraírem pelo visual do jogo, tudo é muito brilhante e diversos cenários ganham um certo destaque com os detalhes, mas também não chega a ser surpreendente, sendo assim para esse estilo de jogo o gráfico pode ser considerado como decente.

Enfim, esse é um jogo que é bem robusto para seu gênero, quem gosta de Visual Novels, com certeza irá se atrair por Roommates. Ele também acaba sendo ótimo para quem quer experimentar o gênero pela primeira vez. Quem se interessar pode dar uma conferida no site oficial do jogo.

Um comentário:

Matt Kist disse...

Nasci em 89 e conheço a lenda. Acho que foi uma das primeiras "lendas macabras de internet" que entrei em contato.
Mas hoje, assistindo novamente à cena, acredito que seja um fantasma de cartolina mesmo. Certamente não é o mesmo cartaz que aparece nessa outra cena da imagem, mas parece muito uma superfície plana e inanimada.