O jogo de tabuleiro de D&D retirado da Steam por ter expirado a licença

Apesar de "Dungeons & Dragons" ser mais conhecido pelo renomado RPG de Mesa, a Wizards of the Coast explorou bastante a franquia, indo desde o nosso conhecido "Caverna do Dragão", que é uma adaptação do RPG, até filmes em live action. No entanto, outras formas de jogar também foram feitas, indo desde jogos de tabuleiro, até jogos de computador. E "Tales from Candlekeep: Tomb of Annihilation" é ambos, no entanto acabou tendo um péssimo destino na Steam.
 
Conhecido como "Dungeons & Dragons Adventure System", esse é um sistema de regras focado em jogos de tabuleiro e que foi usado várias vezes entre 2010 e 2019. Um desses frutos foi "Tomb of Annihilation" em 2017, que no mesmo ano acabou sendo licenciado para a pequena desenvolvedora BKOM Studios fazer uma versão digital da coisa.

O jogo te coloca para assumir o controle de um ou mais heróis e atravessar ambientes perigosos, com mapas que vão desde selvas a masmorras e  é necessário tentar acabar com algo chamado de "maldição da morte". Também tendo possibilidade de usar o Steam Remote Play Together pra jogar com os amigos online, apesar de não ter nativamente a funcionalidade online.
No entanto, se tornou cada vez mais comum ver jogos simplesmente desaparecerem por causa das licenças. Até mesmo obras grandes já passaram por isso, como foi ocaso de Alan Wake. No entanto, enquanto a Remedy tinha grana o suficiente para trazer o jogo de volta, para estúdios menores a possibilidade de renovar uma licença é bem mais complicado.

E em menos de cindo anos isso aconteceu com a BKOM Studios, já que ela lançou em 11/10/2017 e no começo de maior de 2022 chegou com a desagradável surpresa, dizendo que em 20/05/2022 iria ter que retirar o jogo da plataforma da Valve. Nas palavras dela: "Enquanto ele não vai estar mais disponível pra ser comprado, jogadores que tiverem o jogo na biblioteca ainda vão poder continuar jogando" e deu 85% de desconto no jogo base, como forma de incentivar últimas vendas.
Curiosamente, o jogo saiu com adaptação em português, o que é interessante, já que frequentemente temos jogos de tabuleiro que simplesmente parecem não ligar para trazer a nossa língua, inclusive de desenvolvedoras famosas, como a CD Projekt Red, que simplesmente nunca lançou uma tradução de The Witcher Adventure Game para português.

Enfim, a verdade é que nem sempre isso acontece exclusivamente por licenciamento vencido e vez ou outra acontece, indo desde coisas misteriosas como o jogo da FromSoftware que sumiu sem aviso, até verdadeiros barracos do mundo gamer como a empresa que foi expulsa com todos os seus jogos da Steam.

Postar um comentário

0 Comentários