Criador de God of War esculhambou Phil Spencer após declaração sobre Starfield

Starfield é um jogo que teve o início de sua produção em 2015 e foi revelado ao público na edição de 2018 da E3. Como se trata de uma produção da Bethesda, os fãs de The Elder Scrolls e outras obras da empresa ficaram eufóricos com o RPG espacial. No entanto o adiamento de 2022 causou a decepção de vários jogadores. Porém algumas pessoas realmente ficaram iradas e a declaração de Phil Spencer fez ninguém menos que o desenvolvedor de God of War David Jaffe descer o pau no CEO da divisão Xbox.

Insiders dizem que a Bethesda fez isso por medo de ser  o novo Cyberpunk, e algumas pessoas foram compreensivas, preferindo esperar mais e receber um produto mais polido do que algo completamente zoado. Mas algo com uma expectativa tão alta fez gerar mensagens das mais variadas e foi quando Phil Spencer comentou:
"Essas decisões são difíceis para as equipes que fazem os jogos e nossos fãs. Embora eu apoie totalmente dar tempo às equipes para lançar esses ótimos jogos quando estiverem prontos, ouvimos o feedback. Queremos entregar algo com qualidade e consistência, continuaremos a trabalhar para melhor atender a essas expectativas"

E o criador de God of War viu, ele é um cara um tanto polêmico que já fez vários comentários na internet que mexeram muito com o público, como comentar que odeia o governo chinês e recusou projeto de 100 milhões de dólares. E assim, ele disse o seguinte em relação ao comentário:
“Você é nojento, Phil Spencer. Você é como eu quando eu tinha 28 anos. Eu sabia que podia realizar projetos, sabia que tinha ideias vendáveis, mas meu cérebro estava diretamente ligado ao espírito da época. Levei sete, oito, nove meses para perceber que não conseguia produzir um jogo, muito menos um jogo que eu também dirigia… isso me permitiu entender que há coisas em que somos bons, muito bons também, e coisas em que não somos.”

“Vá fazer terapia, Phil Spencer. Você não é bom nessa parte. Você simplesmente não é e não precisa ser esse tipo de pessoa… não é por acaso.”
 
“Phil Spencer está fazendo isso, seu plano é válido, sua infraestrutura, quando se trata desses estúdios, é sólida , é tudo. ótimo, mas você não pode lidar com isso. Você simplesmente não pode fazer isso.”

Mas, apesar das duras palavras, ele demonstrou que tem uma certa admiração pelo CEO da divisão de jogos da Microsoft e comentou:

“Não demita Phil Spencer. Phil Spencer é um visionário, eu amo o que ele fez com o Game Pass.”

E aí, vocês concordam com o Jaffe, ou acham que ele pegou muito pesado?

Postar um comentário

0 Comentários