O único filme que deu medo em Stephen King!

Quando se pensa em um dos mestres do terror como Stephen King, pode ser um pouco complicado imaginar que o cara consegue se assustar com alguma coisa, afinal de contas com tanto conteúdo sobre os mais variados tipos de horror, não sobra muita coisa na cultura pop que deva ser capaz de assustar alguém assim, certo? Mas bom... Segundo ele, existe sim... Um filme em especial!

Desde o lançamento do livro de "Carrie: A Estranha" em 1974, o autor de obras de terror passou a ser aclamado, e depois disso veio muitas outras histórias, sendo extremamente fácil reconhecer e ligar obras como "O Iluminado" e "Cemitério Maldito" a seu nome, mas também sendo facílimo descobrir um livro dele que não se fazia ideia da existência.

E claro que durante as décadas de fama, inúmeros livros e adaptações para os mais variados tipos de mídias, não seria surpresas ele dar entrevistas e revelar algumas coisas inusitadas. Então, no começo de 2022 ele foi chamado para participar do programa "Eli Roth’s History of Horror", em que acabou revelando algumas coisas, incluindo o filme de terror que mais o assutou:

“A primeira vez que vi A Bruxa de Blair, eu estava no hospital e estava dopado de remédios. Meu filho chegou com um VHS do filme e me disse: ‘Pai, você precisa assistir isso’. Na metade do filme, eu disse: ‘Desliga isso, é bizarro demais’!”

Imagina se ele visse a mitologia da Bruxa de Blair, ein? Já que lá a coisa é muito mais aprofundada, colocando detalhes sobre o universo e o que aconteceu naquele lugar. Ou quem sabe ele tenha visto né? Já que em 1999 a coisa virou uma lenda urbana. Mas bom, acredito que em certas condições, algumas obras mexem com a gente, né? 
 
No caso, ele tava hospitalizado, mas falo isso por experiência própria, pois o filme de terror que mais me deu medo foi "No Cair da Noite", pois assisti em uma época que minha família viajou e por algum motivo aquilo me deu um medo surreal, enquanto hoje assisto e só acho tosco. E vocês? Tem algum filme que foi assustador em uma época de suas vidas?

Postar um comentário

0 Comentários