CEO da Take-Two foi infernizado por fãs da Rockstar até bloquear seu Twitter

É preciso tomar muito cuidado com o que se fala na internet, e isso piora muito quando você é uma figura pública. É só ver aquele apresentador que zuou youtubers e a coisa ficou feia. Porém a coisa fica ainda mais feia se você fala algo errado sobre um assunto que você deveria dominar e estar muito por dentro. E isso rolou com Strauss Zelnick, CEO da Take-Two, que foi infernizado por fãs a um nível de preferir desativar suas redes sociais.

Tudo começou quando, em uma entrevista, diretor executivo da empresa gigantesca declarou que GTA Trilogy só teve um bug e foi corrigido, e outro comentário foi sobre ter sido ótimo para os negócios. Mas levando em consideração que esse foi um dos destaques dos Top Mais Quebrados de 2021, já que o jogo estava só a bagaceira, a reação do público com certeza foi de surpresa e logo depois aquela ira constante na internet.

Obviamente, Grand Theft Auto: The Trilogy – The Definitive Edition foi um dos lançamentos mais massacrados pelas críticas em 2021. As pessoas não perdoaram, e a quantidade de vídeos bizarros que surgiram na internet foi fora de noção. E isso levantou a suspeita de que o cara simplesmente não tinha ideia do que estava acontecendo.


É preciso lembrar que a Take-Two Interactive não é dona apenas da Rockstar Games, mas de vários estúdios, incluindo a 2K. Sendo assim, às vezes é normal que o cara apenas deixe que os estúdios se cuidem, enquanto ele resolve outras coisas. E a teoria é de que ele pensou que como era um GTA, obviamente tinha ido bem nas vendas. Uma teoria é que foi uma tentativa de não preocupar acionistas, que frequentemente não têm ideia do que vai bem e o que vai mal, pois não são gamers.

Mas certamente nunca imaginou que o ódio em cima seria tanto, pois os fãs o caçaram pra tirar satisfações. Seja com perguntas bem amarguradas e agressivas, ou indo direto ao ponto e só o xingando descontroladamente. Isso sem contar com os memes, a ridicularização pública constante, a diminuição de sua competência e mais.

E o resultado, bom... Ele caiu fora! Após tanto palavrão e assédio, ele decidiu bloquear logo todo mundo de uma vez, limitando sua conta a meramente aqueles que tivessem permissão para vê-la. Esse não é um caso isolado e frequentemente fãs se iram com alguém até a pessoa cair fora ou desaparecerem. Por exemplo o Guilherme Briggs quando o povo se irritou dele ser escolhido pra dublar o Chucky e ele desativou o Instagram por um tempo pra poeira baixar, ou o BRKsEdu, quando marcou a Nintendo em um fangame e o povo ficou irado, fazendo ele se desculpar, mas sumir do Twitter.


Postar um comentário

0 Comentários