George R.R. Martin achou irresistível a oferta de Elden Ring

Todo mundo conhece George R.R. Martin por ser autor das Crônicas de Gelo e Fogo, que depois ganhou um alcance mundial quando a HBO adaptou a coisa como Game of Thrones. E da mesma maneira, a FromSoftware é uma empresa que se tornou mundialmente conhecida também com uma obra do gênero Dark Fantasy. Então não dava para esperar outra coisa quando foi anunciado que Martin estava trabalhando com a desenvolvedora de Dark Souls para fazer um jogo novo. Mas o que o autor tem a falar sobre isso?

O marketing de Elden Ring carregou muito o peso do escritor, isso porque a sensação que dava é que um novo Game of Thrones estava sendo feito nas mãos da FromSoftware. E claro que foi uma decepção ao menos para boa parte do público, quando Martin revelou que seu trabalho não foi direto. Na verdade ele apenas criou a base do mundo e não teve mais contato.

Depois foi revelado que na real o Hidetaka Miyazaki é que criou a história apresentada e descrição de itens, enquanto Martin ficou responsável por criar o universo do jogo. Quem conferiu a introdução à história de Elden Ring, percebeu que existe um toque muito próprio da FromSoftware, é só ver as semelhanças com a abertura de Dark Souls 2. Então ao consultar Martin sobre como exatamente participou, ele disse o seguinte:

"Alguns anos atrás, Hidetaka Miyazaki e sua incrível equipe de designers de jogos, os criadores da série de videogames DARK SOULS, me pediram para ajudá-los a criar a história de fundo para um novo jogo em que estavam trabalhando. Bem, videogames não são realmente minha praia - ah, eu joguei alguns no início dos tempos, principalmente jogos de estratégia como RAILROAD TYCOON, ROMANCE OF THE THREE KINGDOMS e MASTER OF ORION - mas esta oferta era muito emocionante para recusar. Miyazaki e sua equipe da FromSoftware estavam fazendo coisas inovadoras com arte deslumbrante, e o que eles queriam de mim era apenas um pouco de construção de mundo: um mundo profundo, escuro e ressonante para servir de base para o jogo que planejavam criar. E, por acaso, adoro criar mundos e escrever histórias imaginárias.

Então eu fiz minha parte e a entreguei para meus novos amigos no Japão, e eles seguiram daí. E anos se passaram. Os videogames são tão grandes quanto os filmes hoje em dia (maiores, na verdade) ... e demoram o mesmo tempo para serem criados.

Mas o dia de ELDEN RING está chegando,

E devo dizer que parece incrível."

E aí, acham que foi o suficiente a participação do autor? Ou gostariam que ele tivesse mais presente na obra?

Postar um comentário

0 Comentários