Aka Manto | Mini Survival Horror sobre lenda urbana japonesa

Se você se interessa em lendas japonesas e fica encantado com as histórias apresentadas em Contos de Terror em Tóquio ou o anime de horror Yami Shibai, certamente vai se atrair demais pelo o que temos aqui, já que toda aquela ambientação fantasmagórica é trazida para um jogo, que apesar de pequeno, é extremamente robusto e com tudo o que temos de melhor no gênero survival horror e na atmosfera oriental.

Aqui você assume o papel de uma colegial japonesa que está sofrendo bullying por ter se aproximado de um garoto e é obrigada por duas garotas, Maiko e Haruna, a entrar em uma escola que foi interditada pela polícia. No entanto, ao explorar o lugar, logo descobre que não está sozinha, há um ser espectral vestido com um manto vermelho, que persegue descontroladamente aqueles que ali entram. Além de outras assombrações espalhadas pela escola.
Esse jogo é da Chilla's Art e é o segundo que foi lançado na Steam com essa temática fantasmagórica de horror no Japão. Além disso é uma das obras de maior sucesso, tendo uma pequena explosão de popularidade entre jogos macabros, com notas muito positivas na plataforma da Valve. Para quem jogou Okaeri, dá pra ver que o casal de irmãos que conduzem a empresa usaram seu potencial a outro nível.

Agora não é mais apenas uma história de exploração focada na narrativa e atmosfera, mas um jogo robusto em mecânicas que criam um verdadeiro survival horror desafiador com a presença de permadeath, exigindo assim que o jogador zere de uma vez, apesar da experiência ter mais de uma hora de duração. O que faz a rejogabilidade aumentar bastante, apesar de certamente assustar algumas pessoas. Mas é uma proposta visivelmente focada no público hardcore.
O ambiente é bem no estilo de Metroidvania, portanto temos uma escola que inicialmente tem diversos locais fechados, mas você precisa explorar para localizar os itens necessários ou acessar os atalhos exigidos para abrir novos caminhos. Então portas e caminhos bloqueados no começo do jogo, depois acabam se tornando acessos rápidos a outras áreas.

Existe um sistema de inventário e é uma das coisas mais desafiadoras do jogo. Isso porque se você acha que o inventário de Resident Evil Zero é difícil, esse aqui vai a outro patamar, te permitindo carregar apenas três objetos por vez e tendo que jogar no chão o que você não precisar naquele momento. As coisas variam entre itens utilizáveis, ferramentas e itens que precisam ser levados a um determinado local.
O jogo é uma adaptação da lenda urbana Aka Manto, que é aquele ser que aparece em banheiros públicos ou de escolas. Mas aqui a coisa  é bem mais descontrolada, pois temos uma criatura insaciável enorme que te persegue por corredores apertados em uma velocidade absurda e pra piorar, você ainda tem estamina, o que aumenta muito o desespero.

Aliás, eles se esforçaram muito para que as perseguições do Aka Manto fossem memoráveis. Além de seu tamanho que causa uma sensação claustrofóbico e velocidade que irá superar sua estamina, solta um grito desesperador e inscrições de kanji poluindo a tela completamente. Você realmente precisa observar o mapa e sempre estar preparado para onde vai correr, ou então só sairá por aí sem rumo até ser morto.
Existem dois finais no jogo e para chegar neles, é necessário escolher caminhos diferentes e usar itens diferentes. São dois objetivos envolvendo os objetos que você encontra no lugar. Sendo assim, mesmo que você zere uma vez, poderá tentar seguir pelo outro destino para poder ver a outra possibilidade, o que aumenta o tempo de jogo.
 
Os gráficos do jogo dessa vez decidiram abraçar completamente o ambiente do estilo de jogos de Playstation 1. Diferente de Okaeri, que lembra por parecer algo velho, mas é apenas uma ilusão, aqui temos algo que não apenas usa a temática VHS, mas também os gráficos são propositalmente pixelizados e antigos, o que causa uma baita sensação aconchegante nos fãs de PS1 e demakes em geral.
A trama é bastante robusta, especialmente porque são duas coisas acontecendo. A história da sua personagem e a história de um garoto chamado Atsushi, que estudou ali também e estava sendo atormentado por um outro aluno, mas começou a receber a ajuda de um funcionário chamado Nakajima, que era o dono das fitas encontradas pelo colégio.

Enfim, Aka Manto | 赤マント é um belo jogo de terror com climinha de conto sombrio em temática oriental. A sensação é semelhante a de jogos como Yomawari e Death Mark. Recomendo sempre dar uma olhadinha no preço dele na Greenman Gaming antes de comprar na loja direta, algumas vezes os preços deles estão bem abaixo do normal, e sempre lembre de olhar os cupons de desconto que eles espalham pelo site, que deixa a coisa mais barata ainda, dê uma conferida aqui.

Postar um comentário

0 Comentários