Immortals Fenyx Rising | A união de Zelda e Assassin's Creed Odyssey

É notável que a Ubisoft percebeu o potencial de Assassin's Creed Odyssey, com aquela mecânica que abraçou tão amplamente o gênero RPG, porém acabou indo para um lado muito diferente do que costumamos ver na franquia. Immortals Fenyx Rising parece ter sido a resposta a isso, com a mesma equipe ficando responsável e dando um baita toque de Zelda.

Você assume o papel de Fenyx, um náufrago que despertou em uma ilha misteriosa e teve a infeliz surpresa ao perceber que todos os seus companheiros estavam petrificados. E ao vagar, descobriu que seres mitológicos estavam em toda parte. Até então a sua vida sempre tinha sido cercada de histórias, mas pensava ser apenas lendas. E parte em uma jornada em que auxiliará deuses caídos.
Esse é um jogo que você nota imediatamente que realmente se trata de um fruto de Assassin's Creed, puxando bastante da mecânica. Se você jogou Odyssey, vai pegar as mecânicas automaticamente. A diferença é que esse é focado na temática infantil e divertida ao invés de puxar um clima mais sério. Portanto é preciso ficar atento desde o início.

Aliás, embora eu prefira jogos mais sérios, assumo que achei genial a Ubisoft fazer isso, porque é quase lançar um AC pra crianças, sem a parte da violência brutal que a franquia caminhou com o passar do tempo, especialmente em Valhalla, e assim atingindo um público muito maior, inclusive o adulto, já que é algo com uma mecânica toda soltinha, podendo desde escalar ambientes gigantes até voar (planar) por aí. Além de dar um descanso pra franquia dos assassinos.
Você percebe que tem alguma coisinha aqui e ali que usam para tentar disfarçar a semelhança com a outra franquia, mas ao menos em relação à mecânica de personagem, é bem difícil. Porém fora isso, dá pra ver bem uma atmosfera própria quando você olha para o "todo" da coisa. Isso porque o que temos aqui se encaixa bem como um hack and slash não linear.

Eu tive uma sensação meio semelhante à que tive quando joguei Shadow of Mordor, com aquele mundo aberto um tanto compacto que você atravessa rapidamente, ainda mais nesse aqui que você pode voar e por isso passar rapidamente por cima de obstáculos e quando estiver no chão é possível também usar uma super velocidade.
Porém aqui tem uma quantidade absurdamente maior de coisas pra fazer. Você anda pelo cenário e tem coisas brilhando pra todo lado. Sejam itens para serem coletados, sejam eventos ou ambientes escondidos para você explorar. É sua decisão ir direto ao ponto nas missões principais ou ficar vagando por aí pra coletar coisas e aperfeiçoar seu personagem.

Em uma visão pessoal da coisa, tenho que ser honesto, o gráfico não me atraiu nem um pouco, eu achei genérico. Porém o que importa é a opinião da maioria né? E quando postei uma série de screenshots no Facebook, muita gente ficou encantada com o visual do jogo, sendo assim imagino que a possibilidade de te atrair é muito maior do que você achar feio.
Apesar de tudo, não dá pra negar que é bonita a quantidade de coisas na tela. Você percebe bem que é um ambiente cheio de vida, com elementos para todos os lados. Não é um daqueles mapas super mortos que só estão ali para fazer volume. Acho até estranho eles terem feito o mapa tão pequeno, pois daria pra ter esticado bastante e colocado os elementos um pouco mais separados, acho que poderia até ficar mais agradável um certo distanciamento, mas sei que para muitos esse é o grande diferencial, o fato de você não perder tempo.

A sensação é de estar em uma fase de um daqueles jogos de Playstation 1 extremamente coloridos com moedas voando e coisinhas piscando. Mas no caso daqui, ao invés de ser apenas uma fase fechada, é um ambiente enorme para você explorar à vontade e gastar o seu tempo da maneira que achar melhor antes de partir para as missões principais.
Se você resolver só ir direto ao ponto, sua experiência vai ser extremamente semelhante à dos primeiros God of War (em formato fofinho). Então você vai ter um hack and slash com puzzles. Terá que resolver problemas para passar para o próximo ambiente e vai entrar em combates bem frenéticos, dando ataques pesados e muito rápidos, saltando e usando habilidades.
 
Existe também bastante do elemento de plataforma e é preciso escalar estruturas gigantescas e calcular a estamina necessária para isso, pois se acabar você simplesmente vai despencar seja lá de onde estiver. Isso também serve para o voo, e assim você explora o mundo observando locais e vendo como vai fazer para chegar até lá.
À medida em que você evolui, vai melhorando seus poderes como por exemplo poder levitar objetos enorme e lançar inimigos ou mesmo as asas que no início servem apenas para te ajudar a dar um pulo extra, mas depois são úteis para te fazer atravessar precipícios e cobrir grandes distâncias sem ter muita dificuldade com isso.

Esse é um jogo com história focada bastante no senso de humor, então se você gosta de piadinhas e coisas estranhas frequentemente, esse aqui acaba parecendo realmente uma dessas animações da pixar, o que acaba caindo muito bem pelo visual. Acontecem as bizarrices mais variadas, indo desde as confissões de Zeus sobre as barbaridades que fez até a forma de agir de Tifão, o vilão principal.
O jogo também é dublado em português, e que apesar de ser da Ubisoft, tenho que assumir que me surpreendi, pois parece ser uma obra um tanto mais indie que seus jogos Triplo A, então pensei que dessa a coisa seria apenas em inglês mesmo. Mas o investimento foi bem pesado, pois os personagens não calam a boca e são vários deles. Já no começo você nota a forma de narrativa épica em que Prometeu conta a Zeus a história de Fenyx enquanto você joga.

Enfim, Immortals Fenyx Rising foi uma aposta interessante da Ubisoft, que certamente é capaz de agradar os mais variados tipos de públicos. Por outro lado é também aquele tipo de coisa que se você olhou e não gostou, certamente não vai mudar de ideia jogando, pois ele mostra claramente o que é em suas imagens e vídeos (era exatamente o que eu esperava). Porém realmente creio que é algo que consegue agradar a maioria. Recomendo sempre dar uma olhadinha no preço dele na Greenman Gaming antes de comprar na loja direta, algumas vezes os preços deles estão bem abaixo do normal, e sempre lembre de olhar os cupons de desconto que eles espalham pelo site, que deixa a coisa mais barata ainda, dê uma conferida aqui.

Postar um comentário

0 Comentários