Hey You, Pikachu! - Um jogo inovador que fracassou

Sabem no vídeo que coloquei na matéria sobre como o dreamcast era fantástico, que mostra uma historinha e um personagem fala "Hey You, Pikachu era um CU Ò_Ò perto de Seaman!" pois é, ele estava falando do jogo que é o tema da matéria de hoje! è___é! Mas antes de começar, assistam o vídeo do comercial:
Era o fim dos anos 90 quando surgiu esse jogo e ele deixou muita gente frustrada pra cacete! Ò_Ò! O grande problema dele é que era a época da febre pokemon e qualquer porcaria que aparecesse com um pikachu na capa já deixava todo mundo enlouquecido! Então quando o bagulho era super tecnologico e inovador, se tornava extremamente atraente, e era isso que "Hey You, Pikachu!" era, um jogo inovador!

Mas então qual era o grande problema dele? Bom, o problema real era ser em inglês! E ninguém nem sonhava em ver ele em português, portanto era daquele tipo de coisa que você via e pensava "Caracas meu! Que coisa louca!" e você sabe né? Em tempos de infância você joga até jogos em japonês sem ligar pra saber da história, ao menos era assim para crianças dos anos 90 quando não haviam grupos de tradução de jogos como hoje em dia, porém nesse caso em especial, não era só questão de jogar, era obrigatório falar, por isso nós nos virávamos com o que tínhamos com jogos em geral mas com esse não dava, e esperar traduções de jogos era fora da realidade.


Não é que NÃO EXISTISSEM grupos de tradução, pra falar a verdade era a época de ouro de tradução de ROMS de jogos, e os jogos de PC não eram traduzidos como hoje em dia, mas como eu disse, era uma época diferente. Pra começar computadores não eram tão populares por isso o que se esperava era ver jogos nos próprios video games e não algo emulador, depois você não tinha certeza se um jogo receberia uma tradução, e por último e mais importante, mesmo que traduzissem, como é que os caras iriam fazer o programa que reconhece a voz funcionar em português? Não seria algo simples como trocar os códigos hexadecimais.

Então essa foi uma pérola que surgiu e ficou intocada, dava agonia saber que tinha saído um jogo que você simplesmente não tinha o aprendizado necessário para jogar uahahaha. As primeiras notícias dele saiam falando apenas da versão japonesa, e quando saiu em inglês acabou que não mudou muita coisa, por isso o jeito era se contentar com Pokemon Amarelo onde um pikachu te seguia.

O que tornava esse jogo inovador não era o fato de você interagir com um pikachu, mas sim o fato de ser o primeiro jogo da história a trabalhar com reconhecimento de voz, antes a coisa mais parecida que você tinha com esse jogo era um tamagocchi em que você cuidava de um bichinho, mas mesmo assim era bem diferente jogar algo em 3D e falar com o bichinho hehehe.

O Pikachu do jogo é capaz de reconhecer até 200 palavras que você vai ensinando aos poucos e quanto mais palavras ensina, mais pode interagir. Nele você tem que se tornar amigo do Pikachu e passar 1 ano com ele, sendo que em cada um dos 365 dias você tem algum objetivo diferente do tipo pescar ou pegar comida. Você também pode pegar os PikaPoints (uiiiiiii) e com eles usar pra comprar objetos na loja do Abra.

Mas bom, apesar de termos inúmeros produtos baseados na franquia, esse acabou que não fez muito sucesso e se tornou um tanto underground o bagulho, ele vinha com um microfone e um aparelhinho próprio pra processar o reconhecimento de voz. O nome do aparelho era VRU (Voice Recognition Unit) e só foi usado novamente por outro jogo do Nintendo 64 totalmeeeeeeeeente desconhecido chamado "Densha de Go! 64" e que só foi lançado no Japão, era um simulador de piloto trem. De qualquer forma "Hey You, Pikachu!" fez um baita esforço em criar um aparelhinho exclusivo pro jogo(antes de lançarem o simulador de trem) pra poder reconhecer a voz, imaginem se não foi caro? Hehehehe. E a propósito, esse moleque do vídeo disse que o Pikachu é o novo melhor amigo dele? O___________O'
Twittem aí para seus amigos pessoal =D

Postar um comentário

4 Comentários

  1. sky, mas tipo, voce falou q o jogo nao fez sucesso pq era só em ingles, entao, nos USA ele fez sucesso? ou tb foi 1 fracasso? (se duvidar sou mais forever alone q o guri do video e.e)

    ResponderExcluir
  2. ish_padilha

    A recepção nos EUA foi bem mais ou menos, variaramas notas lá, só 200 palavras acabava limitando muito o pikachu mas a inovação também atraiu notas boas.

    ResponderExcluir
  3. Sky maldito! Eu fico 2 meses acessando o blog direto e quando eu fico 4 dias sem entrar você posta o "Eu sou Deus"!!! Não pude nem votar! Holy Cheetos!

    Mas então, voltando ao post, eu só fico imaginando como você ficou sabendo que esse jogo existia? O___O Eu nunca nem ouvi flar de um reconhecedor de voz pra N64, muito menos de hey you pikachu!!! Eita porra, esse você busco no baú da vó, hein?!?

    Mas voltando a outro post, quando você falou da DEMO do Soul Reaver eu me lembrei de uma coisa... Cara você já viu o espetacular trailer do jogo??? Nossa, eu viajava na bagaça! Vinha no jogo Gex 3, vish vinha com a demo de um jogo de estratégia de guerra... O demo nem tanto, mas o Trailer, foi o melhor que eu já vi *------*

    ResponderExcluir
  4. Eu ficava sabendo dos jogos por revistas na época, os anos 90 eram tensos, tudo era na base do trafico de revistas è___é!!!

    Não sei se ja vi o trailer de soul reaver não, mas pela sua empolgação deve ser bom mesmo hahahaha. =)

    ResponderExcluir