Galera! A Amazon tem uma página focada em promoções atualizadas diariamente! Vão desde celulares, videogames, notebooks e até pequenos itens baratinhos como pingentes para presente! E tem frete grátis ao comprar R$129 em itens com selo prime! Veja no link de afiliado Amazon!

O livro de Alan Wake existe e pode ser a oportunidade perfeita pra tunar seu inglês

 
Existem diversas opções de obras literárias ambientados em universos de jogos, como Assassin's Creed: Barba Negra, que deixou os fãs brasileiros boquiabertos com seu acabamento, os livros de The Elder Scrolls, que apresentam uma visão inédita do começo da quarta era, ou o inusitado mangá de Elden Ring, que simula as sensações dos jogadores. Porém poucos games combinam tão bem com livros do que o do Alan Wake, que o próprio foco do jogo é o escritor protagonista e suas obras.
 
O adblock bloqueia links de afiliados da Amazon como esse aí, então se não estiver aparecendo, é só desativar o adblock.

Lançado junto ao primeiro game desse universo da Remedy em maio de 2010, o livro de Alan Wake é uma surpresa pra muita gente, já que pouco se fala sobre ele. Mas acaba sendo uma baita de uma opção interessante para compreender melhor a história, pois trata-se de uma adaptação focada completamente na trama da coisa.
 
Mas esse título não é obscuro apenas no Brasil, mesmo lá fora existe um falatório sobre ele. Isso porque o autor Rick Burroughs é descrito apenas como um cara que só fez esse livro, e que mora em uma cabana que ele mesmo construiu. Ou seja, uma pessoa completamente excêntrica, e que por algum motivo foi escolhido para novelizar a coisa. Dessa forma, uma teoria que os fãs têm, é que o cara não existe de verdade e que se trata apenas de um pseudônimo. Talvez tenha sido o próprio Sam Lake que escreveu, apesar de que haja tempo pra fazer isso.
Como o livro não foi lançado em português, acaba se tornando um ótimo atrativo para algo diferente em relação ao público brasileiro, que é aperfeiçoar o inglês. Afinal, todo mundo sabe que a melhor forma de realmente polir o vocabulário e fazer a coisa fluir, é pegar uma obra completa e a consumir. Mas isso pode se tornar um saco se você faz com algo desconhecido. E é nesse ponto que o livro de Alan Wake se  torna uma opção maravilhosa pra ler algo já familiar.
 
Existem muitos materiais de jogos que estão mais pra panfletos do que pra livros e claramente foram lançados apenas para aproveitar o sucesso, mas esse não é o caso aqui. Lançado pela editora novaiorquina ‎Tor Books, esse é um livro de 305 páginas, portanto uma leitura de tamanho padrão, e no fim das contas foi muito bem aceito pelo público, conseguindo notas gerais altíssimas.

Então tá aí uma daquelas obras que podem ser muito mais úteis do que um mero entretenimento, já que se torna uma opção muito boa pra melhorar o inglês. Mas também é uma opção interessante para quem quer se aprofundar no universo. Fique atento que não se trata de um spin-off, portanto se procura por histórias extras, não é o caso. Apesar de ser um lançamento muito antigo, existe estoque disponível no Brasil, confira:

O adblock bloqueia links de afiliados da Amazon como esse aí, então se não estiver aparecendo, é só desativar o adblock.

Imagem da promoção Galera! O Nerd Maldito tem um link de afiliado na Amazon atualizado todo dia com listas temáticas de itens que vocês vão amar! Já viram hoje? Confira no link de afiliado Amazon!
 
Sobre Alan Wake

Criado pela brilhante mente de Sam Lake e desenvolvido pela Remedy Entertainment, o universo de Alan Wake é uma intrincada tapeçaria de suspense, mistério e dualidade entre luz e escuridão. Desde o seu lançamento em 2010, o jogo e seu enredo singular têm cativado jogadores ao redor do mundo, transportando-os para um mundo onde a realidade se entrelaça com elementos sobrenaturais de forma envolvente.

A história gira em torno de Alan Wake, um escritor talentoso que enfrenta um bloqueio criativo após o sucesso de seus romances anteriores. Em uma tentativa de superar esse obstáculo, ele e sua esposa, Alice, decidem passar um tempo na pacata cidade de Bright Falls. No entanto, o que deveria ser uma pausa relaxante rapidamente se transforma em um pesadelo quando Alice desaparece e eventos inexplicáveis começam a acontecer.

O enredo é habilmente construído, mergulhando os jogadores em um universo onde a linha entre a realidade e a ficção se torna cada vez mais tênue. Elementos sobrenaturais são entrelaçados com a psique de Alan, criando uma atmosfera de suspense que mantém os jogadores imersos e ansiosos para desvendar os segredos sombrios de Bright Falls.

O jogo não apenas cativa com sua narrativa envolvente, mas também através de sua jogabilidade única. Alan Wake utiliza a luz como uma arma contra as sombras que o ameaçam. Lanternas, holofotes e outras fontes luminosas se tornam suas aliadas enquanto ele luta para sobreviver em um mundo onde a escuridão é um inimigo mortal.

Além disso, o universo de Alan Wake é enriquecido por uma trilha sonora magistral, que complementa perfeitamente a atmosfera tensa e misteriosa do jogo. A música cria uma sensação de imersão, envolvendo os jogadores ainda mais no ambiente sombrio e intrigante de Bright Falls.

A profundidade do universo de Alan Wake não se limita apenas ao jogo. O lançamento de um livro complementar expandiu ainda mais a história, oferecendo aos fãs uma visão mais ampla do mundo fictício e dos personagens que o habitam.

Ademais, a série de televisão "Bright Falls", inspirada no jogo, apresenta uma narrativa paralela que mergulha ainda mais fundo nos eventos misteriosos ocorrendo na cidade. Esta expansão do universo de Alan Wake por meio de diferentes formas de mídia oferece aos fãs múltiplas perspectivas e camadas de profundidade, criando um rico e intrigante ecossistema narrativo.

A grandeza do universo de Alan Wake reside não apenas em sua trama envolvente, mas também na maneira como desafia a percepção do jogador sobre a realidade. A dualidade entre luz e escuridão, a intrincada psicologia do protagonista e a atmosfera tensa e misteriosa tecem uma história única e inesquecível.

Em suma, o universo de Alan Wake não é apenas um jogo; é uma experiência imersiva que transcende os limites convencionais do entretenimento interativo. É uma jornada emocionante e sinistra que continua a cativar e intrigar jogadores, mantendo-os fascinados pelos mistérios sombrios e pelas reviravoltas psicológicas que permeiam cada aspecto deste mundo fictício complexo e envolvente.

Postar um comentário

0 Comentários