Como Chromecast 2 me fez comer o pão que o diabo amassou

Tudo começou quando eu comprei o Google Home e vi que dava pra fazer um monte de coisas legais, no entanto uma das coisas que mais gosto é de mandar ele tocar música, no entanto tem um problema, eu não assino spotify nem google música, nem Deezer. Daí o Home fala "Só pagando meu filho, tá pensando que eu sou mulher de malandro? Eu não vou tocar essa música exata que você pediu não, ao invés disso vou sincronizar em uma estação do Spotfy com características.

No geral é muito bacana e realmente as estações são de coisas que tem a ver, normalmente com músicas da mesma época. No entanto tem dias que eu realmente estou afim de ouvir uma música em especial, e eu queria poder pedir. Ou seja, se eu pedir Britney, eu não quero Mariah, eu não quero Christina, e muito menos a Gaga! EU QUERO BRITNEY!

Mas notei que às vezes eu dava o comando errado pedindo para ele me mostrar ao invés de tocar e ele respondia "Eu não estou vendo nenhuma Smart TV ou Chromecast por aqui, então não tenho tela pra te mostrar '-' ". Daí pensei "Poxa, e se eu comprar um Chromecast? Posso ligar ao meu monitor do PC, que tem entrada HDMI e aí quando eu ordenar, o Google Home procurará lá no youtube e vai tocar.



A ideia era deixar o bagulho tocando na tela e transmitir o audio pro Google Home, afinal de contas ele faz isso com tudo quanto é coisa e outros serviços google, por exemplo você pode pedir pra ele ler um livro seu do Google Livros. daí ele se conecta à sua conta e lê. E levando em conta o conceito principal da Internet das Coisas, em que todos os aparelhos estão conectados, eu já tava até me vendo ouvindo música de graça =D!

Comprei o bagulho, chegou, enfiei no meu monitor, mudei a fonte de video pra ele, configurei (por curiosidade o aplicativo do Google Home é o mesmo pro Chromecast). Daí beleza, mandei tocar o youtube e notei que estava saindo do monitor (meu monitor tem audio), fui procurar opção pra sair no Chromecast e... CADÊ O DIABO DA OPÇÃO?

Resultado, tem que ficar com o video lá ou não funciona. Daí pensei em usar o meu segundo monitor (Que uso pra ler os textos na live do Twitch Nerd Maldito), e pensei "Poxa, vai ficar futurístico!", afinal de contas imaginem, esse monitor fica lá hibernando e eu "Google, toque Katinguelê!", daí no maior estilo Cyberpunk, o segundo monitor começa a receber sinal do Chromecast e liga, tocando uma playlist do Katinguelê, até eu falar "Pare", o monitor parar de receber sinal e voltar a hibernar.
Só que tem um probleminha. O diabo do Chromecast não desativa NUNCA, você tem que tirar essa porra da tomada pra desligar. Se ficar ligado, ele vai ficar mandando sinal eternamente pro monitor, mostrando uns papéis de parede e horário. Daí fui fuçar, tentando fazer de tudo pra desligar essa tela infernal e nada.

E pior! No meu monitor principal do PC acontece uma coisa muito bosta ao deixar esse bagulho ligado. Normalmente quando vou dormir, mando o windows desligar, me deito na cama, ele faz tudo sozinho, o monitor hiberna. Mas com o chromecast conectado, o monitor vê que não tem sinal e ao invés de desligar, adivinha o que acontece? Isso mesmo, vai pro diabo do wallpaper do chromecast e fica ligadão!

Agora imagina? Um trabuco que era supostamente pra facilitar, ter que ficar puxando da tomada toda vez já que nem botão de desligar tem? Será que a Google pensou mesmo que era uma ideia genial deixar esse negócio sem um modo de hibernar? Daí comecei a procurar opções que nem sei se podem dar certo.

Por exemplo, pensei em dar um toque mais futurístico no meu quarto, comprar um mini projetor com hdmi de menos de 200 contos, colocar em cima do meu guarda roupas apontado pra parede e tentar fazer o que pretendia fazer com o monitor secundário, vai que o audio sai sem o video estar ligado né? Mas qualquer coisa é só apertar o botão do controle remoto pra ligar antes de dar a ordem. Fiquei pensando nas configurações, talvez dê pra tirar a lâmpada que projeta.

Outra coisa que pensei foi em comprar um extrator de audio hdmi, daí eu ligava a bagaça atrás do monitor e ligava o bagulho na entrada de áudio do monitor ou em uma caixa de som, mas me desanimou o preço. Quero dizer, é um adaptador de mais de 100 reais né? Isso é de deixar triste, além do mais esse tipo de adaptador precisa de fonte de alimentação, o que significa mais fios pendurados no monitor.

E esse é o meu drama com esse diabo desse bagulho que consegue fazer tantas coisas legais, mas surpreende o quanto certos aspectos são toscos. Estou procurando alternativas e pensando em uma gambiarra atrás da outra, já procurei até monitor com defeito pra vender, que não acende, só sai o áudio kkkkk.

Comentários