Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

sexta-feira, 24 de março de 2017

Return of Alice - Um obscuro teaser em stop motion

No final de 2009 foi anunciado Alice Madness Returns, aquilo deixou o povo muito animado e a data de lançamento foi marcada para 2011. Apesar disso muita gente não tinha ideia do que era isso e pareceu algo novo, mas o que não sabiam é que era o segundo jogo da franquia e o primeiro era American Mcgee's Alice. Sendo assim já tinham fãs com uma base daquele universo, dessa forma surgiu na internet um vídeo chamado "Return of Alice", algo tão maravilhoso que parecia ser oficial.

O negócio é que após o anuncio, não demorou nada para esse vídeo cair na internet. Logo as pessoas começaram a dizer que era um teaser do próprio jogo e o alvoroço foi tão alto que o próprio American Mcgee teve que se manifestar e explicar para as pessoas que tratava-se de um vídeo feito por fã e não tinha ligação com o jogo.

O vídeo foi feito por um designer gráfico chamado Troy Morgan, especializado não apenas em desenhos, mas também em produção de stop motion, aquela técnica em que você faz filmes que são gravados quadro a quadro com massinha de modelar, estilo o clássico Pingu, aquele "desenho" do pinguim.

Pra quem não conhece o universo de Alice feito por American Mcgee, nele a protagonista do País das Maravilhas é mostrada como uma garota louca e graças a isso o lugar tem um estilo super sombrio, com todos os personagens macabros e uma presença constante de matança e sangue misturado com elementos fofinhos. O teaser criado pelo fã foi esse:

Fantástico, não acham? Me deu um certo arrepio quando a câmera mudou para o lado da frente da cadeira hehehe. Esse não é o único material criado por jogadores, apesar de ser um jogo meio "discreto", ele é conhecido, especialmente pelo segundo da franquia e tem um certo número de fãs. Um outro exemplo de vídeo criado por adoradores é o live action que refaz o trailer do primeiro jogo.


Nenhum comentário: