Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

terça-feira, 29 de setembro de 2015

O toque especial de Junji Ito em Silent Hills

Sem sombra de dúvidas Junji Ito é um dos meus ídolos, adoro o cara! Ao meu ver ele é o H.P Lovecraft japonês e inclusive fiquei maravilhado quando descobri que ele também é fã de Lovecraft e inclusive chegou a fazer uma homenagem. Algo simplesmente fantástico demais ver que um de seus ídolos é também fã de outro de seus ídolos, sendo assim quando saem informações sobre Junji Ito, eu já fico atento, e teve uma que não foi muito divulgada que me deixou eufórico.

Mas pra quem não conhece, vou dar um resumindo. Junji Ito é um roteirista e desenhista de mangás que tem um toque muito especial. As histórias dele são completamente perturbadoras, bizarríssimas, o cara simplesmente faz uma distorção da realidade e coloca maldições fora do controle que te deixam pensativo sobre como aquela situação seria algo horrível, ele inclusive já fez uma versão própria de Frankeinstein que adicionou muito mais bizarrice à trama.


E existem poucas coisas coisas que acho que conseguem transmitir uma essência própria, algo de muito especial. Uma dessas coisas é o intenso universo de Silent Hill. Sou apaixonado pela forma que Silent Hill transmite beleza e terror ao mesmo tempo, é algo tão maravilhoso e diferente da maioria das obras de terror, um universo muito bem feito.

Mas ok, eu estou falando isso por um motivo é claro. Lembram-se do cancelado Silent Hills? Ele levou o povo à loucura por juntar três caras estilosos, o cineasta Guillermo Del Toro, responsável por filmes como Círculo de Fogo, o designer Hideo Kojima, conhecidíssimo especialmente por ter criado Metal Gear Solid e o ator Norman Reedus, que interpreta o Daryl, um dos personagens mais estilosos de The Walking Dead.
Só que a surpresa é que muito tempo após o cancelamento, Del Toro revelou que Junji Ito também estava colaborando com o projeto! Nossa, imagina que demais? A mente do cara consegue gerar situações completamente perturbadoras, e adicionar esse tempero especial do Ito a um jogo de uma franquia que tanto amo, isso seria uma overdose de diversão! Tenho que dizer que de todos os envolvidos, o que me faz mais lamentar é exatamente o Ito, de certa forma fico até feliz de na época não ter ideia do envolvimento dele com a coisa.

Enfim, é a vida né? Nem sempre as coisas dão certo, mas nossa, realmente esse projeto seria uma obra inesquecível. Só resta lamentar que a Konami tenha decidido que o investimento em dispositivos móveis parecia mais interessante do que continuar com força total em cima de computadores e consoles.


3 comentários:

Matt Kist disse...

Sou fã de Silent Hill, fã do Del Toro, e gostei muito do trabalho do Junji Ito que você me apresentou, Sky.
Eu fiquei triste com o cancelamento do Silent Hills, como todo mundo. Porém eu queria entender qual a importância que o Hideo Kojima tinha para o Silent Hills. Eu sinceramente não sou fã de Metal Gear, acho inclusive que é uma série de jogos com uma temática meio zuada, saca? Teve um jogo da série lá onde tinha um travesti de salto alto que matava todo mundo com a espada e se parecia com qualquer cavaleiro do zodíaco megalomaníaco genérico, e inclusive neste último metal gear (que eu nem joguei, e provavelmente nem vou jogar) tem uma personagem que vai para o campo de batalha de bikini, toda sexualizada, WTF... é muito zuado.
E pelo o que eu entendi da treta toda que envolveu o cancelamento do Silent Hills, o Hideo Kojima tem uma boa parcela da culpa de isso ter acontecido.
Por isso eu volto a perguntar, qual a importância que Hideo Kojima teria pro Silent Hills? Acho que ele tava ali só para atrapalhar mesmo.

O time que estava envolvido era muito bom, mas acho que foi uma pena terem envolvido o Hideo Kojima no meio dessa suruba de nomes.
O que vocês acham? O Kojima traria algo de especial para o universo romanticamente sinistro de Silent Hill, ou só atrapalhou? Seria melhor se ele nem tivesse envolvido com o projeto?

Skywalkerpg disse...

Não sou fã do Kojima, mas não acho que ele atrapalharia, a não ser que inventasse de colocar umas roupas de anime nos personagens, aí isso seria ridículo, só que pelo visual do protagonista acho que seria padrão, creio que ele saberia se segurar, ainda mais que teria o Del Toro envolvido e ele é ocidental e criou The Strain, e o Junji Ito não usa rouponas nem outras coisas em seus mangas, ele concentra a bizarrice completamente nas criaturas, sendo assim acho que ele não adotaria esse estilo também. Eu li que a roupa da garota de bikini é porque ela respira pela pele, aparentemente esse detalhe também chamou a atenção dos fãs de Metal Gear. Mas eu não ligo da frescura dentro de Metal Gear, tipo eu me irrito quando essas coisas atingem obras que não tem uma estética assim já em sua essência. Animes bem sérios e os caras inventam de começar a encher de frescura, isso distorce completamente a essência da coisa.

Marcelo Henrique disse...

Já eu, sou super fã do Kojima, acho ele umas das mentes mais criativas no mundo dos games. Desde a era do ps1 que acompanho os jogos da serie Metal Gear, e o que mais me inspiro foi a historia fantástica de guerra, ate porque sempre fui apaixonado por guerra, e tudo que eu via sobre primeira e segunda guerra mundial acabava por despertar meu interesse. Com relação ao cancelamento do jogo, pelo que eu pesquisei, foi por causa de uma treta do Kojima com a Konami, a empresa mudou a política de produzir jogos, e o motivo foi "custos", o Kojima demora anos pra lançar um jogo, e acaba por aumentar muito os gastos com a produção. Devido a popularização dos jogos mobiles a Konami decidiu focar na produção deles, ate porque eles são bem mais baratos para serem produzidos. Agora é triste ver que não haverá mais a produção do p.t. Silente Hill, achei a equipe perfeita pro game, acredito que não iríamos nos arrepender de ver um jogo sendo feito por eles.