Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

domingo, 25 de maio de 2014

The Blackwell Epiphany - Um belo jogo de investigação!

E hoje vou fazer uma análise sobre o quinto jogo da franquia que se iniciou com o jogo que se iniciou com The Blackwell Legacy e gerou uma bela quantidade de fãs, com um estilo extremamente carismático e uma atmosfera sombria, que consegue envolver bastante e ao mesmo tempo ter os seus toques de humor voltado para adultos. Esse é um jogo que não decepciona e que você percebe imediatamente que trata-se de uma franquia de alta qualidade que a cada episódio surpreende mais e mais.

Novamente você assume o papel de Rosa Blackwell, uam médium que acabou descobrindo de forma repentina sobre as suas habilidades, e ficou surpresa ao descobrir que não é a primeira da família, mas participa de um verdadeiro legado que vem desde a sua avó. Você é acompanhado de um espírito guardião que também acompanhou suas antecessoras, trata-se de Joey Mallone, um homem que viveu durante a década de 30 e agora ajuda Rosa a resolver diversos casos que tenham a ver com o sobrenatural de alguma forma.

É impressionante como essa série conseguiu se aprimorar a cada novo episódio, simplesmente é de se esperar que no quinto episódio as coisas mudem um pouco e fiquem um pouco mais mornas, porém aparentemente a equipe tinha em mente que precisava ficar sempre melhor e ir além, sendo assim o que é apresentado aqui já de cara te mostra uma atmosfera provocante, apresentando a aventura em uma época de neve e criando uma atmosfera própria do episódio que acredito que seja exatamente o que um fã de Blackwell procure.

A jogabilidade é aquela que já tanto conhecemos anteriormente, portanto você é colocado de imediato no controle dos dois personagens, Rosa e Joey, e tem que explorar os ambientes que se encontram disponíveis, reunindo objetos, combinando informações e resolvendo certos puzzles para liberar algumas coisas e poder seguir em frente. É um jogo para quem gosta de desafio e de ter que realmente pensar bem para conseguir passar de um ambiente.

Os gráficos definitivamente receberam um belo de um empurrão, embora se veja o mesmo estilo dos jogos anteriores, com um visual pixelizado muito belo e um traço de desenhos animados um pouco realistas, agora foi trabalhado muito mais a movimentação e efeitos de cenário, sendo assim você já começo em uma rua onde ao fundo pode ver carros passando, em um lugar pode ver letras em neon piscando, a neve fica caindo, e ao andar você pode observar no chão as pegadas que vão ficando na neve.

Quanto à dublagem, mais uma vez foi um daqueles trabalhos gigantescos, para cada objeto que você clica, os personagens falam sobre, eles conversam constantemente e fazem comentários variados sobre diversas coisas, sendo assim é algo que mantém muito o clima e realmente dá um toque especial muito agradável de se ver.

Enfim, The Blackwell Epiphany obviamente é um jogo que se você jogou os anteriores, tem que jogar esse também, quanto aos fãs de jogo de aventura, é recomendadíssimo, mas não comece por esse, jogue os outros primeiro. Se você se interessou pode dar uma conferida no site oficial do jogo.

Um comentário:

Agelus disse...

Acabei de terminar o segundo episodio da serie e até agora tem sido incrível!!! Tem todo um tema e clima único e a musica segue eles perfeitamente, muito bom mesmo.