Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

quarta-feira, 16 de abril de 2014

Volt - Um puzzle para jogadores realmente hardcore!

Nossa, tem alguns jogos que é impressionante como você realmente percebe que não basta estratégia, é preciso realmente de habilidade para se conseguir, e Volt é um exemplo perfeito de jogo que você irá conseguir ver claramente como se deve fazer um objetivo, mas não conseguirá cumpri-lo tão facilmente, por mais óbvio e simples que seja, se não tiver agilidade o suficiente, e isso é o que te faz acabar ficando bastante viciado na jogabilidade de Volt, naturalmente também é algo que acaba fazendo com que o mesmo seja mais voltado para jogadores um tanto mais hardcore, por mais que tenha uma cara de jogo casual.

A história te coloca em um papel um tanto inusitado, você é uma bateria que foi usada e quase não tem mais voltagem, e agora está em uma fábrica pronta para ser reciclada, no entanto naturalmente você não vai querer que isso aconteça, por isso o jeito é fugir do lugar, e assim você parte através de grandes e perigosas máquinas que facilmente conseguirão te explodir e deve conseguir sair do lugar, mas já que você não tem pernas, o jeito é poder dar alguns pulos e soltar raios elétricos para conseguir se prender temporariamente em lugares de metal, mas nem tudo é maravilha e por isso há uma quantidade limitada de energia que você pode usar e se você passar do limite, explodirá.

A jogabilidade do jogo te coloca em câmaras onde há uma saída e o objetivo é conseguir chegar até ela para passar então para a próxima câmara e assim seguir em locais cada vez mais difíceis. Você normalmente começa pendurado por raios elétricos que te ligam a alguma parede, sendo que os mesmos são apresentados como cordas e existe física no jogo, ou seja as mesmas podem balançar você. Sendo assim você tem que cortar esses raios e fazer com que o seu personagem se balance, podendo lançar a qualquer momento um raio em algum lugar, mas existe um campo elétrico que determina o alcance e dependendo de onde você acertar, o personagem se balançará de uma maneira diferente, e é exatamente aí que está o grande desafio, por mais que você consiga ver a saída e exatamente o que tem que fazer, é necessário também ter uma precisão enorme para se fazer rapidamente os movimentos certos na hora certa, isso sem contar com o campo elétrico que limita a distância em que você pode jogar o raio. Quando estiver no chão ainda existe a opção de pular, mas você tem energia limitada e pode explodir se usar demais.

Esse é um daqueles jogos que você sente a adrenalina correndo e um grande arrepio constante ao ver que quase conseguiu. Você tentará de novo e de novo e vai ver o quanto é preciso de uma sincronia perfeita para se fazer os movimentos corretos, existem alguns estágios que se pode fazer as coisas de maneira simples e direta, mas existem outros que simplesmente você vai ter que clicar de uma forma sincronizada tão perfeita, que ou você conta com a sorte, ou terá que treinar constantemente para finalmente atingir o objetivo, tornando assim desafiador e extremamente viciante.

Os gráficos são em 2D, porém é daqueles que você vê que se torna lindo exatamente pela arte usada, o visual é incrível, misturando efeitos de luz e sombra de uma forma tão interessante, que se torna simplesmente belo demais ver o fundo embaçado como se fosse um grande ambiente e estivesse daquele jeito pela distância, e a parte onde você joga bastante sombria, porém cheio de efeitos de luz, tornando assim um jogo lindo de se ver.

Enfim, Volt é um jogo muito legal, porém limitado ao público hardcore, tornando assim atraente pra caramba pra esse tipo de jogador, visto que puzzles normalmente atraem jogadores casuais pela facilidade da jogabilidade, mas também com desafios bastante acessíveis, tornando-se difíceis apenas nos níveis mais avançados, já em Volt, a dificuldade bem mais rapidamente. Se você se interessar pode dar uma conferida no site oficial do jogo.

Nenhum comentário: