Evangelion esbanja luxo na edição de colecionador brasileira

Originalmente lançado em dezembro de 1994, o mangá de Neon Genesis Evangelion levou quase duas décadas para ser concluído, recebendo seu tão esperado final apenas em 2013, mas ainda assim sendo uma saga relativamente curta, com apenas 14 volumes. E no Brasil teve lançamentos conturbados, sendo a primeira vez em 2001 pela editora Conrad, que parece ter concluído só na base da pressão e chegando a tentar republicar em um novo formato, sem sucesso, e cancelando com uma edição. Porém 2022 trouxe alegria aos fãs.

Neon Genesis Evangelion Collector's Edition é uma edição definitiva com um estilo luxuoso lançada pela JBC no Brasil, assim como tivemos com a edição de Akira. Enquanto a publicação original teve 14 volumes, no Brasil foram publicados divididos em dois, portanto aqui saiu com 28 volumes. Mas essa edição de colecionador vai pelo caminho contrário, tendo apenas 7 volumes que concluem a saga.
Um extra presente, é o fato de que o artista original da obra, Yoshiyuki Sadamoto, redesenhou várias partes introdutórias que são apresentadas coloridas em cada volume. Sendo assim, em cada edição, você acaba tendo algo diferenciado, não apenas por ser colorido, mas por serem ilustrações completamente novas para dar introdução aos volumes.

A capa é obviamente estilosa, mantendo um padrão próprio que é seguido por todas as edições. O acabamento é em papel cartão com orelhas, e também conta com verniz localizado em algumas partes das ilustrações. O tamanho é 15 x 21cm e cada edição acompanha também vem acompanhada de marcadores próprios.
Naturalmente, a coisa conseguiu chamar a atenção do público por inúmeros motivos, indo desde os que gostam de ter uma versão mais compacta e fácil de colecionar do que ter 28 edições, até aqueles que preferem ler obras digitais, mas gostam de ter a primeira edição de mangás na estante. E você, o que achou? É fã do anime e mangá? Atualmente é possível conseguir a edição com desconto, confira no link de afiliado Amazon:
 


Postar um comentário

0 Comentários