Denuvo prometeu matar a emulação de Nintendo Switch com sua proteção!

Você com certeza já deve ter passado por algum sistema de proteção DRM, que são as formas que as empresas acharam para proteger suas criações e não deixarem à solta podendo ser replicadas sem parar. E claro, a pirataria está cheia de pessoas especializadas em quebrar DRM. E um sistema consegue se destacar entre todos, o Denuvo, que é muito mal falado e odiado por várias pessoas, mas fez sua fama no PC, porém surpreender ao anunciar sua proteção indo para o Nintendo Switch.

Uma coisa que fez esse sistema se destacar muito, foi o nível poderoso de proteção que ele oferece. Várias empresas passaram a contratar o serviço para lançar seus jogos sem enfrentar a pirataria. Muitos conseguiram ficar meses sem que fossem quebrada. E isso se tornou padrão, pois nesse tempo já tinham vendido o suficiente. Inclusive várias tiram o Denuvo depois que é quebrado.
Mas a ironia da coisa toda é que ele não é odiado exclusivamente por gamers que consomem pirataria e querem baixar por meios ilegais. A Denuvo conseguiu um ódio generalizado vindo inclusive daqueles que compram jogos no primeiro dia e fazem pré-venda. E o motivo disso é que um nível de proteção tão alto cobra o preço em performance.

Um exemplo foi o Resident Evil Village, que causou uma polêmica danada porque os jogadores piratas estavam tendo uma performance melhor do que aqueles que pagaram à Capcom para jogar. E assim a revolta aconteceu. O mesmo rola com vários jogos que não podem atingir seu potencial máximo porque tem um pesado sistema anti-pirataria rodando o tempo todo.

Porém essa proteção foi lançada inicialmente como algo exclusivo de computadores. Então foi uma surpresa imensa o anúncio da empresa para sua chegada ao Nintendo Switch, e não contra consoles desbloqueados, mas contra algo ainda mais inusitado, que é a emulação dos jogos nos computadores. Ou seja... Como?
No anúncio, colocaram em seu site: “A emulação de qualquer game de Nintendo Switch no PC é fácil. E há quase 4.500 deles disponíveis atualmente. Alguns jogadores emulam títulos no dia do lançamento, jogando-os sem gastar um centavo. Ao proteger seu game com nossa solução, você força todos os jogadores a comprar”.

E naturalmente, a gritaria começou de imediato! Muitos dos donos de Nintendo Switch não ficaram nem um pouco felizes com o anúncio, embora a empresa tenha prometido que isso não iria prejudicar a performance, mas apenas matar a emulação, ao menos nos primeiros meses para que as empresas pudessem lucrar mais.

Por outro lado, boa parte da comunidade da emulação recebeu a notícia com escárnio, dizendo duvidar muito que consigam fazer algo desse tipo, já que a emulação não é uma mera versão adaptada de um jogo separado para PC, mas sim uma simulação completa do console em um PC que roda jogos. De qualquer forma a caça às bruxas da Denuvo contra a emulação se mostrou confiante. E vocês, acham que uma empresa é capaz de matar a emulação? Confira também Mario Odyssey recriado dentro de Mario 64.

Postar um comentário

0 Comentários