Ex-figurante de Power Rangers que recebeu pena de morte? Um caso misterioso...

A esse ponto você já deve ter notado que a vida é uma caixinha de surpresas e muitas chances são perdidas. No entanto, isso não acontece só com pobres mortais, e às vezes as nossas escolhas podem ser fatais. Isso foi o que Skylar Julius Deleon diz ter acontecido em sua vida, que foi condenada a um fim terrível... No entanto, algo curioso, é que sua afirmação sobre ser um personagem de Power Rangers atravessou as décadas, e é bem possível que seja real, mas deixou estranhas questões no ar.
 
Apesar de poder ser visto como algo zoado hoje em dia, Power Rangers deixaram sua marca na cultura pop, e é possível ver sua influência indo desde coisas diretas como o universo expandido, tipo Ranger Verde Ano 01, até crossovers completamente inusitados, como é o caso de Street Fighter vs Power Rangers, ou mesmo coisas que são apenas referências, que é o caso do maravilhoso jogo brasileiro Chroma Squad. O negócio é, a sua marca foi deixada, e pra algo tão grande, tinha que ter umas coisas macabras junto.
 
Em 4 de maio de 1994, foi ao ar um dos episódios finais da primeira temporada de Power Rangers chamado "Segunda Chance" (Second Chance), em que um garotinho chamado Roger que ama futebol e quer entrar na equipe. Mas após não conseguir, acaba recebendo o incentivo de Zack (Ranger Preto) e Jason (Ranger Vermelho) para que tente de novo. O episódio é focado nisso e Skylar Julius Deleon chamou a atenção quando afirmou ter interpretado o garoto.

Infelizmente, dez anos depois, em 2004, com 24 anos, a vida de Skylar não tinha absolutamente nada a ver com atuação... Na verdade tinha a ver com algo terrível, que era o mundo da criminalidade, agindo sempre em dupla com sua esposa na época, Jennifer Henderson. E nesse ano, os dois fizeram o crime que iria lhe destinar ao fim da vida.
 
Ambos costumavam praticar pequenos delitos. E com isso acabaram ganhando confiança para fazer algo maior. Dessa forma sequestraram duas pessoas ricas em Orange County (Califórnia), para conseguir dinheiro, o casal Jackie Hawks e Thomas Hawks, que eram donos de um iate que estava à venda por U$435 mil. Lá mesmo os fizeram assinar os documentos de venda.
No entanto, era óbvio que as coisas não funcionavam assim e que o casal iria à polícia assim que fosse livre, fazendo a venda ser invalidada. Portanto, decidiram amarrar o casal à âncora do veículo e os lançaram no mar. Mas ricos não desaparecem e são esquecidos, e isso levou à investigação, que facilmente identificou o quanto era estranho o iate vendido a preço de banana para o casal de criminosos.
 
Na medida em que a polícia começou a seguir os rastros, um dos três cúmplices, Alonso Machain, não aguentou a pressão e acabou cedendo, falando exatamente o que aconteceu. Como colaborou, recebeu 20 anos de prisão apenas. Agora o resto do bando foi condenado a prisão perpétua sem direito a liberdade condicional. Mas pra Skylar a coisa foi pior... A condenação foi a pena de morte!
Mas apesar de ter entrado no corredor da morte para que esperasse sua execução por injeção letal, as leis do estado da Califórnia foram mudando, sendo sempre polêmica a pena de morte. E em 2019 declararam a suspensão, fazendo com que todos os detentos que estivessem no corredor da morte apenas ficassem com a prisão perpétua. Ao menos por enquanto...
 
No entanto, tem um detalhe curioso! Com o passar dos anos, muitas fontes apontam Skylar como a pessoa que interpretou Roger, e em alguns locais a coisa realmente fica confusa ao apontar que foi o Ranger Vermelho de Power Rangers: Força Animal (Wild Force). E a informação se consolidou com o passar dos anos, especialmente afirmando que era Roger. Você encontra vídeos antigos afirmando que era ele e cheio de informações.
Em 2022 isso ficou ainda mais forte, quando portais grandes trouxeram o caso de volta.  Portais enormes como a IGN, O Povo, Marca, UOL, a Revista Quem, e vários veículos internacionais de vários países citaram a coisa. Porém, ao ver o seu perfil no IMDB, ele é citado como conhecido por Power Rangers, mas não é citado em nenhum papel.
 
Já documentos da época que mostram relatórios sobre episódios, colocam os créditos de Roger a um ator chamado Kosmin Parker. E ao pesquisar sobre ele no IMDB, aí sim temos um único papel feito pelo cara, que foi exatamente Power Rangers em 1994! Isso tornaria a coisa uma Fake News que se popularizou tanto com os anos a ponto de virar real? Aí é que vem uma outra coisa que coloca em xeque... Esse documentário da ABC em que a família confirma ele como ator:
Ou seja... O que significa isso? Quem é Kosmin Parker? A família mentiu? Ele enganou a família? Realmente difícil dizer. Podem ser tantas coisas... Mas com certeza muitas informações confusas estão rolando. Por exemplo, é notável que ele cresceu em um lar meio complicado por causa do pai, pode ser que a família só tenha ido na onda e confirmado que era ele mesmo porque quando menino, já trabalhava em comerciais. Ou talvez Kosmin Parker nunca tenha existido, o que não seria surpresa já que o cara não tem nada além desse registro, que com certeza é de onde tiraram do IMDB. Teorias?

Esse provavelmente foi o caso mais tenso relacionado a essa série de TV, mas várias coisinhas menores já rolaram, afinal muita gente estava envolvida em seu desenvolvimento e o passar dos anos acabou fazendo surgir certas coisas que vão desde conflitos com os padrões modernos que geraram aquelas polêmicas relacionadas ao visual dos Power Rangers, até coisas mais bobas não relacionadas diretamente à produção, mas relacionadas à série em si, como o caso do "Ranger Verde" indo pra cadeia.

Postar um comentário

0 Comentários