China proibiu menores de idade de fazerem doações em lives e assistirem após as 22:00

Em 2019, a China tinha dado um baita de um susto em muita gente quando proibiu menores de idade de jogarem após as 22h. No entanto o tempo passou e o país se adaptou, notando que a diversão em jogos nem sempre exige exatamente que a pessoa esteja jogando. E com a tonelada de dinheiro que rola entre streamers e um público gigantesco, em 2022 o país decidiu ser ainda mais radical em sua decisão e estender a coisa.

A China tem uma visão muito forte em relação ao tipo de conteúdo que a população consome e graças a isso que rolaram coisas que podem ser muito estranhas para alguns, como ela tentar censurar a Estátua da Liberdade no Homem-Aranha, ou mesmo coisas totalmente inusitadas como foi o caso do inusitado final alternativo chinês em Clube da Luta.
Naturalmente uma das coisas mais presentes no entretenimento são os video games e assim existe aquela lista de regras pra poder lançar um jogo na China, mas indo além, ela também tem uma política anti-vício que tenta evitar que as pessoas fiquem viciadas em jogar. E foi por isso que rolou a proibição para jogar só até as 22h se você é menor de idade. E a coisa apenas se estendeu para o mundo das lives.

O país decidiu que menores não podem fazer doações para streamers e também só podem assistir até as 22h. Além disso, todos os streamers menores de 16 anos se tornaram oficialmente proibidos de fazer lives. E isso fica ainda mais limitado, já que uma outra expansão dessa lei que rolou em 2020 e fez com que menores de idade só pudessem jogar sexta, sábado e domingo durante 1 hora, que é das 20h às 21h. Vixe, na China a vida gamer é complicada ein?

Postar um comentário

0 Comentários