Outbuddies| Imagine Super Metroid no fundo do mar...

Se você é fã do universo de Metroid, certamente está muito satisfeito com a quantidade de jogos do gênero Metroidvania que existem, é um verdadeiro gênero que consegue se renovar bem e apresentar coisinhas diferenciadas. No entanto certamente às vezes bate uma agonia pela demora da Nintendo em lançar obras oficiais. Felizmente vez ou outra aparecem alguns jogos REALMENTE semelhantes e esse é o caso de Outbuddies.


A história se passa em Bahlam, uma misteriosa cidade esquecida afundada no sul do Oceano Atlântico e que pertenceu a uma civilização antiga onde deuses habitavam. Você assume o papel de Nikolay Bernstein, um arqueólogo marítimo que acabou naufragando e indo parar na cidade, onde ficou vinculado a uma entidade sobrenatural que passa a ajudá-lo em sua jornada para sair do lugar.

Eu sei que levando em consideração a trama, o jogo acaba não parecendo nem um pouco com Metroid, no entanto a verdade é que parece mais com uma adaptação de mesma história em um ambiente diferente. Em especial estou me referindo à trama de Super Metroid, que também mostra uma personagem presa em um lugar abandonado com coisas exóticas, com a diferença de que é no espaço.

Mas isso provavelmente seria algo que não iria ser notado se não fosse pelo design do jogo, que apesar de não ser tão detalhado quanto Super Metroid, tem toques semelhantes e que ficam mais evidentes se você o comparar ao primeiro jogo da franquia, que obviamente também tinha gráficos inferiores, mas que usa o mesmo ambiente que vemos no Super, se destacando pelas cores escrachadas, note em Metroid Cubed,

É claro que esse é o tipo de coisa que divide opiniões, pois enquanto alguns podem ver como uma cópia descarada, outros podem ver como uma bela de uma homenagem, especialmente porque o autor aparentemente não procura esconder esse fato. Aliás, um detalhe interessante é que esse jogo inteiro foi criado por apenas uma pessoa, o que deixa uma cara maior de ser obra de um fã apaixonado.

A verdade é que talvez seja uma tendência algo assim acontecer, já vimos por exemplo Environmental Station, que é descaradamente Metroid em um visual um pouco mais minimalista, assim como paródias que é o caso de Gato Roboto. Esse último consegue usar a carta do humor para dizer que não se trata de uma cópia, mas ainda assim é lógico que sugou completamente a ideia do jogo da Nintendo.

No geral a mecânica é a mesma de um Metroidvania, se diferencia de Metroid mais pelo fato de em boa parte dos locais haver água e ser bem frequente a possibilidade de nadar e se movimentar livremente pelo ambiente. Coisa que é meio diferenciada, mas também não dá pra dizer que é raro. Podemos ver isso por exemplo em Song of the Deep.

Mas aqui tem toda aquela coisa de explorar um ambiente, ver locais que você não tem acesso, mas então conseguir a habilidade necessária para atravessá-lo, incluindo aquelas portinhas arredondadas que precisam levar um tiro de um determinado tipo de arma para abrir e que vimos o conceito em Metroid, mas também em jogos homenagem em geral.

Apesar de tudo o jogo tem sim seus diferenciais e o mais forte é a pequena entidade que te segue para toda parte e que você pode assumir o controle dela e usar suas habilidades especiais, começando com telecinese, que te permite mexer objetos pesados e tirá-los da frente ou amontoá-los para você subir. Depois ele começa a conseguir afetar o comportamento dos inimigos.

Existe ainda o modo cooperativo local, e nesse modo um amigo assume o controle dessa entidade e os dois passam a trabalhar em equipe. É uma pena não ter esse modo online, o que obviamente acaba limitando a coisa, porém é interessante o conceito e pode gerar uma bela de uma experiência diferenciada para quem tem a oportunidade de jogar lado a lado com alguém.

Enfim, não é um jogo inovador com certeza, porém é algo que para fãs do gênero pode gerar um bom passatempo. Recomendo sempre dar uma olhadinha no preço dele na Greenman Gaming antes de comprar na loja direta, algumas vezes os preços deles estão bem abaixo do normal, e sempre lembre de olhar os cupons de desconto que eles espalham pelo site, que deixa a coisa mais barata ainda, dê uma conferida aqui.

Comentários