Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

quinta-feira, 15 de setembro de 2016

Titan Quest - Um action RPG muito nostálgico

Esse é um jogo que me trouxe muitas horas de diversão com um amigo e que naturalmente acabou se tornando uma daquelas obras marcantes, por mais que hoje em dia seja bastante simples em relação a outras obras lançadas. Em 2006 foi uma verdadeira maravilha que me deixou eufórico e em 2016 fiquei surpreso ao lançarem a "Anniversary Edition" dando uma modernizada na coisa. Mas chega de falar sobre sensações causadas e é hora de falar um pouco sobre o jogo.



Aqui você controla um herói vagando pela Grécia Antiga, em um mundo vasto e cheio de criaturas mitológicas. No entanto nesse imenso ambiente há também imensos problemas e cidades são constantemente atacadas por criaturas que vão desde Minotauros a Medusas. E você tem que estar sempre pronto para enfrentar qualquer um, até mesmo semideuses.

Quando conheci esse jogo, eu estava em uma época que me rasgava de vontade de jogar novos actions rpg's. Isso graças ao meu vício em Diablo 2, eu precisava demais jogar um Diablo 3 logo. E assim quando Titan Quest chegou, eu simplesmente me apaixonei de imediato. É verdade que ele sugou completamente a fórmula de Diablo, mas eu não ligava, queria apenas algo novo com aquela jogabilidade e era em 3D!

Diferente do que boa parte dos jogos desse gênero costumam apresentar, em Titan Quest você não escolhe uma classe. Você é um humano normal que começa sem nada, e com o passar dos níveis é que você determina que tipo de personagem se tornará, contando com oito pacotes de árvores de talento que te permitem escolher o caminho a seguir.

Cada pacote de árvores segue aquele padrão de ter várias habilidades para serem compradas e algumas delas exigem que você tenha comprado uma anterior para poder ativar. Outra coisa diferente é que existe uma barra lateral que você pode adicionar pontos para fazê-la crescer. Quanto maior ela for, mais habilidades novas você tem acesso, sendo que as mais poderosas estão lá no topo. Então você tem que ir variando na hora de gastar pontos, as vezes colocando em habilidades, as vezes crescendo a barra da árvore.

Você ganha três pontos de habilidade toda vez que sobe de nível, assim como ganha alguns pontos de atributos que devem ser gastados na sua ficha de personagem em coisas como força, vida, energia e etc... Esses atributos não apenas aumentam sua potência, resistência e reserva, mas também te permitem usar certos itens que existem determinado nível em certo atributo.

Esses atributos é o que moldam o tipo de personagem que você é. Ou seja, se você quiser usar armas pesadas, armaduras pesadas e etc, vai precisar de força e naturalmente vai se tornar um personagem guerreiro. Tem vários itens que requerem certo nível para que você o use, mas não basta isso, você precisa ter determinado atributo alto ou simplesmente não irá conseguir equipar.

O mesmo vale para um personagem mago por exemplo, se você gastar muita energia usando habilidades da árvore de talento, vai precisar aumentar a reserva e certos itens requerem que você aumente a inteligência do personagem. Sendo assim, a árvore de talentos serve para determinar um estilo, mas dentro desse estilo você ainda dá uma variada e pode moldar o personagem da forma que você quiser.

O jogo ainda conta com aqueles vários elementos de action rpg's que conhecemos, itens que podem ser tunados com runas, cidades onde há mercadores que melhoram itens, guardam pra você, vendem e compram coisas. Missões principais e missões opcionais, entre outras coisas. É uma experiência bem pura no gênero e que pode agradar um bocado quem está procurando por isso, ou mesmo fãs de Hack and Slash, já que pancadaria é o que não falta.

A edição de aniversário trouxe uma série de coisas, ela veio com o jogo base e a expansão "Immortal Throne". O multiplayer foi melhorado, pois a versão de 2006 acabou se tornando problemática com falta de servidores e defeitos na conexão. Se tornando assim suave jogar com amigos, permitindo criar uma sala que aparece em uma lista de servidores e seus amigos podem entrar colocando a senha.

Mas os caras foram além, aumentaram a quantidade de resoluções, impedindo que fique um jogo quadradão esquisito, aperfeiçoaram a estabilidade pra evitar problemas com sistemas operacionais superiores ao XP, deixaram o jogo mais equilibrado em relação a itens, dano e habilidades. Arrumaram inúmeros bugs, melhoraram a inteligência artificial dos inimigos e aliados.

Também tiveram aperfeiçoamentos ligados diretamente à steam, adicionaram suporte a mods na comunidade steam, aumentando absurdamente as possibilidades no jogo,  colocaram a opção de convite via steam, facilitando assim a conexão entre os jogadores, adicionaram conquistas, dando aquele toque de desafio a mais e adicionaram cards steam, modernizando de vez o jogo.

Mas sem dúvidas o que mais gostei, foi o fato de que adicionaram na edição de aniversário uma série de elementos extras dentro da jogabilidade mesmo, e essa versão contém dúzias de novos heróis e chefes que você encontra durante a aventura, novas missões alternativas para serem pegas e recompensas novas para grupos que forem grandes ou estiverem em um nível alto de dificuldade. Então tem mais conteúdo que antes e não apenas aperfeiçoamentos.

O gráfico do jogo é em um 3D bonito, é algo completamente tridimensional mesmo, todos os objetos presentes você vê que foram modelados. Especialmente na época era bonito aos olhos, andar por aí e ver criaturas mitológicas correndo em sua direção, além das habilidades e coisas inanimadas como casas e carroças ou elementos que reagem ao vento como a vegetação. É realmente um visual bastante robusto.

Enfim, você gosta de Mitologia Grega? Não te empolgou muito Diablo 3 e você queria uma experiência mais parecida com o segundo só que em 3D? Então certamente esse jogo pode te agradar bastante, trazendo a experiência de um Hack and Slash de forma bastante pura e um modo cooperativo bem fluído. Vale a pena dar uma conferida no site da G2A pra ver o preço que está lá, pois eles costumam vender keys da steam por um valor bem mais barato que na própria steam e ainda aceitam boleto bancário. Dê uma conferida no preço que tá lá, clicando aqui


Nenhum comentário: