Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

quarta-feira, 27 de julho de 2016

e-Ink | A impressionante tecnologia de papel eletrônico

Todo mundo gosta de ver como a tecnologia muda as coisas. E vez ou outra tem alguma que consegue causar um baita de um impacto incrível, te fazendo pensar sobre como as coisas eram antigamente e acabaram mudando devendo a evolução. Entre essa evolução temos alguns itens curiosos por terem aparência de uma coisa e serem outra, tipo o bizarro ferrofluido ou mesmo aquela substância de colocar no tênis pra ficar limpo eternamente, e hoje vou falar sobre um tipo de papel diferente, o e-Ink.


Esses dias teve uma promoção bem cabulosa no www.amazon.com.br em que venderam aparelhos Kindle pelo menor valor da história. Muita gente ficou animada, outros pensaram "Tanto faz, isso é só um tablet..." e tiveram os que ficaram apenas com aquela tentação de comprar gerada pelo consumismo, afinal de contas é bonito de se ver aquele tablet estiloso com o nome Amazon atrás né? kkkkk.

Pra quem não sabe, existe o aplicativo pra celular do Kindle, e ele é tipo como se fosse a steam, você tem os seus livros lá listados e tal, quando pega algum grátis ou compra fica listada a capinha e você pode acessar na hora que quiser, assim como autores podem atualizar fazendo correções ou colocando extras. Então por que pegar um Kindle mesmo enquanto se pode ter no celular?

Até então o que eu sabia sobre o diferencial do Kindle era o fato de ter uma tela que não refletia nem a luz do sol, assim como uma folha de papel, sendo bem melhor do que um smartphone para ler a luz do dia. A segunda característica era a tela com uma textura muito semelhante a de uma folha de papel, transmitindo assim a sensação de segurar algo realmente impresso.

Na descrição tinha algo interessante relacionado a bateria do negócio, que durava dias e não horas. Você podia ficar com o negócio ligado sem parar e iria gastar uma quantidade extremamente baixa de energia. É claro que isso me chamou a atenção e me fez ficar pensando sobre como celulares gastam energia pra valer e nem que ficassem apagados, conseguiriam ficar vários dias em funcionamento.

Eu fui então comentar com meu amigo Leandro sobre essa bateria e foi uma surpresa quando ele me falou sobre a tecnologia aplicada, a tal da e-ink, mas também chamada de e-paper ou em bom português Papel Eletrônico. O negócio é que a tela do Kindle não tem meramente uma textura áspera como imaginei, a coisa é realmente um tipo de papel.

A bateria dura por dias porque diferente de uma tela normal, o Kindle não fica gastando energia para manter aquilo na tela, aquilo está REALMENTE IMPRESSO na tela. Ou seja, é algo físico mesmo e não digital. Portanto quando uma coisa é impressa na tela, é basicamente como se a tinta tivesse sido deixada lá.

Essa tecnologia funciona da seguinte forma, na parte de baixo da tela, tem milhares de cápsulas minúsculas coloridas que agem de forma magnética. O mais normal são as preto e branco apesar de ter colorido também. O que o aparelho faz é magnetizar essas cápsulas fazendo com que subam e desçam. Na maioria do tempo as brancas estão em cima, por isso fica como se não tivesse nada na tela, mas quando o sistema lê uma tela, ele a imprime na tela, magnetizando as cápsulas nos pontos certos e assim fazendo surgir os textos ou imagens.

Fantástica a tecnologia né? Uma baita forma de economizar, mas não foi só o Kindle que adotou a tecnologia, diversos outros produtos pegaram. Um ótimo exemplo que usou esse detalhe como característica principal foi o maravilhoso Yotaphone 2, que impressiona com sua tecnologia usada de uma maneira útil pra caramba.

O negócio desse celular é que na parte de trás ao invés de ser uma capinha normal, é usado e-paper. E assim você pode a qualquer momento transferir a imagem da tela pra parte de trás dela. E assim você pode economizar demais a energia, mexendo em uma versão mais modesta do visor! Quem quer ler por exemplo pode ficar a vontade sem se preocupar com o gasto rápido da bateria e sem se preocupar com reflexo.

Outra coisa muito maneira nesse celular é que você não precisa comprar capinhas estilosas pra ele. Basta usar um wallpaper fantástico e vai parecer que o negócio está impresso na parte de trás. Você pode ainda deixar coisas em movimento coo um relógio analógico, a energia gasta estará sendo exclusivamente do ponteiro rodando, o resto da tela inteira não vai gastar pois é como se estivessem impressos.

Enfim, é maravilhoso o mundo da tecnologia né? E eu aqui pensando que o Kindle era um mero tablet com o nome Amazon escrito atrás kkkk. Realmente a coisa é mais do que surpreendente e esse celular aí, nossa, coisa dos sonhos! Infelizmente é complicado achar o  Yotaphone 2 a venda no Brasil, por outro lado dá pra pedir internacional com frete grátis e opção de pagamento por boleto bancário. Quanto ao Kindle, esse você acha a venda direto na fabricante, mas também se encontra em várias lojas brasileiras.

Nenhum comentário: