Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

quinta-feira, 2 de junho de 2016

A impressionante evolução dos jogos de celular

Com o desenvolvimento tecnológico, uma das indústrias que mais cresceu foi sem dúvida a indústria dos jogos. Algo que começou como um simples passatempo com jogos muito básicos e seguindo apenas algumas lógicas, esta indústria evoluiu muito rápido nos últimos anos para chegar a um ponto em que já ultrapassou a própria indústria de cinema quer em termos de investimento quer em termos de faturação.

Com isso, os próprios equipamentos evoluíram de forma significativa desde o ZX Spectrum ou Atari e depois passaram para Super Nintendo, Sega Master System, Sega Mega Drive, Nintendo 64, PlayStation e X-Box, sendo que, estas duas últimas lideram o mercado há vários anos. Os computadores de uso pessoal também se multiplicaram e evoluíram não só para ferramentas profissionais mas também para jogos e com isso as próprias indústrias e produtoras começaram a investir fortemente numa indústria que é cada vez mais profissionalizada além do entretenimento.

A prova disso são os jogos que surgiram, sobretudo, desde o fácil acesso à internet e que não só se massificaram como se tornaram verdadeiras obras de arte em alguns casos. É o caso de World of Warcraft, Counter Strike ou até jogos de casino online em sites como, por exemplo, http://www.casinoonline.pt que tem cada vez mais utilizadores e investimento por parte das produtoras.

Isto rapidamente levou a que a primeira oportunidade os jogos passassem a poder ser jogados em dispositivos móveis e com o desenvolvimento de smartphones e tablets, esta evidencia ainda se tornou mais notória. Vão dizer que ao menos uma vez vocês não ficaram surpresos ao ver certos gráficos rodando no celular? Aqui alguns exemplos:

The Walking Dead Series – Com fãs por todo o mundo a série televisiva abriu portas para a criação de um jogo no mesmo universo e com algumas personagens em comum. Uma experiência imersiva para os fanáticos da série e dos quadrinhos.

Football Manager Touch 2016 – O jogo de treinador de futebol que antigamente era uma franquia conhecida por se jogar com calma em casa foi lançado para mobile nesta versão exatamente igual a versão de pc com a vantagem de poder ser jogado em qualquer lugar.

Asphalt 8 – Um jogo de corrida com gráficos altamente realistas e com um sistema de condução ajustado para equipamentos móveis e ideal para tablets. Promete fazer as delícias dos amantes de velocidade e carros.

Dead Trigger 2 – Um jogo que mistura o universo de zumbis com o de um shooter em primeira pessoa bastante desafiante e com gráficos bastante interessantes.

République – Boa história, excelentes gráficos e muito conteúdo fazem deste jogo uma agradável surpresa para quem não o conhecia e reflete bem o poder dos tablets no mercado de jogos.

Agora tenta imaginar falar de algo assim na época do tradicional jogo da cobrinha? Pareceria extremamente surreal. Isso causa um baita de um clima futurístico, quero dizer, olha a variação de gêneros e o nível gráfico dessas coisas! São simplesmente impressionantes!

A evolução do mercado mobile foi simplesmente algo que chegou a assustar empresas bem sólidas como a Nintendo, que pisava tanto o pé no chão quanto a ficar fechada a apenas seu próprio hardware e de repente começou a lançar. Ou mesmo a Konami, que chegou a causar polêmica com a sua ida tão brusca para esse mercado.

Enfim, já passou muito da época em que esses tipos de jogos eram exclusivamente casuais. Mas e vocês? Não acham impressionante como o que antes eram meros celulares usados apenas para falar de repente passaram a fazer muito mais e muitas vezes até mesmo a superar algumas plataformas clássicas?

3 comentários:

Gabriel Villar disse...

Para mim um passo enorme dessa evolução foi em 2006 quando tive um Motorola V3 e podia jogar Splinter Cell (2D) nele. Era surreal a mecânica é gráficos, parecia o mega drive no celular ( o que já era bastante pra época rsrsrsrs)

Se não me engano tbm Sky, já está em produção um jogo mobile com a Unreal Engine 4, o Blade II.

Wendel disse...

Incrível mesmo antes levava anos para ocorrer uma mudança na sociedade hoje em pouco tempo tudo atualiza, nestes dias eu entreguei uma revista para meu filho (bebe) e acostumado ao celular ficou esfregando as imagens com o dedo para ver se elas mudavam e fez isso também no controle remoto da tv. Há se ele soube-se que antigamente tinha que levantar e rodar os botoes da TV hehehe. Jogos são apenas um reflexo dessa evolução.

Super Suporte disse...

Daqui a mili anos vão encontrar o nokia quadradão ao lado de um iphone 7 e irão concluir "Aliens!"