Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

domingo, 21 de dezembro de 2014

Rollers of the Realm - Um pinball medieval inovador

Caramba, esse é um jogo que assim que bati os olhos, já fiquei surpreso! Simplesmente inovador e o tipo de obra que consegue te fazer perceber que quando se tem mentes criativas por trás de um jogo, eles podem pegar qualquer forma pronta e modificá-la a ponto de se tornar uma verdadeira obra nova e surpreendente! E em Rollers of the Realm os criadores vão além, pois conseguiram transformar um pinball em uma verdadeira aventura medieval com elementos de RPG e uma maneira incrível de fazer a trama ir sendo desenvolvida.

A história apresenta uma terra onde três heróis a lideravam e mantinham a paz, porém certo dia uma bruxa chegou ao reino e aprisionou esses guerreiros, transformando o lugar em um ambiente corrupto e cheio de miséria. Você assume o papel de uma garota que atravessa o reino com seu cachorro, mas ao tentar ajudar um homem bêbado, seu animalzinho acaba sendo sequestrado e ela parte para resgatá-lo, e pelo caminho vai conhecendo pessoas dispostas a ajudá-la.

Pode ser que ao se ver uma screenshot desse jogo, ele pareça ser apenas mais um dos jogos padrões de pinball, no entanto não é assim, ao invés de ter a tradicional mesa onde vai se ganhando pontos até onde se pode aguentar, aqui as mesas são apresentadas como cenários e além de se ganhar pontos, você tem objetivos para cumprir, sendo assim não é apenas mais um jogo no estilo arcade onde a pontuação do lugar é o que vale.

As mesas são apresentadas como lugares do reino, como por exemplo uma vila, e assim tem casas, castelos e lugares variados, sendo que os botões que você usa para mexer os "pauzinhos" que lançam as esferas não representam meramente os do fundo da mesa, mas em vários lugares do cenário, e assim você pode mover o personagem por ele e guiá-lo até o objetivo. Também pelo cenário estão espalhados tesouros, e assim você pode procurar por eles, fazer o personagem ir até um lugar e abrir um baú com isso para depois coletar.

Existem mudanças de cenário muito legais, por exemplo você pode ter que chegar a um esgoto, e assim que entra nele, a mesa muda e você controla a bolinha lá e deve chegar até a saída, e assim vai, essa ideia passa a sensação de realmente estar explorando o cenário, é muito incrível mesmo. Com os pauzinhos extras você se vê mesmo no controle de tudo.

E ainda há os outros personagens que você pode trocar, são vários que vão sendo destravados durante a aventura, começando pelo cavaleiro, que é uma bola maior e mais pesada, mas que é capaz de destruir ambientes e assim liberar o caminho para que outras esferas passem. Você precisará mudar de personagens várias vezes durante algumas missões, isso porque cada um tem suas habilidades próprias, como a coletora de mana, que pode usar isso para reviver membros que morreram (caíram no buraco).

O jogo também conta com um sistema de combate, aparecem inimigos que não são apresentados como bolinhas, mas sim como personagens modelados mesmo, e você tem que acertá-los, alguns personagens dão mais danos enquanto outros são bem fracos, mas geralmente muito mais ágeis, e assim podem sair batendo em uma sequencia bem frenética em diversos inimigos de uma vez.

Esses personagens podem ainda ser melhorados, pois você vai coletando tesouros e entre os cenários pode ir até uma loja e comprar novos equipamentos que tão bônus, e assim um personagem que inicialmente tinha ataques bem fracos pode acabar ficando bem mais forte com o equipamento que você comprar. Isso também te incentiva a voltar em ambientes anteriores para coletar mais tesouros e procurar por coisas escondidas que não tinha visto.

Enfim, Rollers of the Realm é um jogo fantástico e inovador, que apresenta uma ideia muito diferente e que com certeza merece palmas, recomendo muito! Quem se interessar pode dar uma conferida no site oficial do jogo.

Um comentário:

jackson disse...

ja jogou devil s crash do mega drive?aquele sim,e um jogo de pimball mt bom e com musicas maravilhosas e sem falar nos infinitos demonios q ficam rodeando a mesa atrapalhando a bolinha.jogo ate hoje pelo emulador.