Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

quinta-feira, 28 de agosto de 2014

World of Diving - Um relaxante jogo de mergulho

Esse é um jogo que assim que eu o vi pela primeira vez, o achei bastante interessante, porém imediatamente me veio uma coisa em mente, que me causou um certo arrepio, que no caso foi graças ao meu medo e atração pelo mar. Porém felizmente, apesar do arrepio inicial, logo percebi que o jogo acaba sendo mais para beleza pura, e graças ao seu multiplayer, pode se tornar uma perfeita opção para quem quer relaxar com amigos, em um ambiente maravilhoso e ótimo para se passar o tempo.

Bom, antes de tudo devo dizer que testei o jogo sem Oculus Rift, o que sinceramente foi algo que acabou me fazendo falta, não por ter prejudicado a jogabilidade, muito pelo contrário, na verdade a jogabilidade é ótima sem esse acessório, no entanto exatamente graças a isso, você acaba percebendo o quanto a experiência poderia ter sido ainda mais intensa quando se usa Oculus Rift, afinal de contas apesar do jogo ter a opção para ser jogado apenas com um monitor comum, ele foi projetado para ser jogado usando esse acessório.

World of Diving não é um jogo que foi feito para se relaxar, portanto não é o tipo de obra que você experimenta pela história, mas sim pelo tipo de diversão que é oferecido. Então aqui você é colocado para ir ao fundo do mar e explorar, buscar por missões, e fotografar as coisas. Sendo assim enquanto nada, você encontra itens que te dão um objetivo, como "Tire tantas fotos de duplas de um certo tipo de peixe.", e assim você tem que localizar esse peixe, podendo usar um equipamento que indica o mais próximo, e assim fotografá-lo.

Graças ao multiplayer, a sensação fica realmente intensa, você pode entrar no jogo de outras pessoas desconhecidas, deixar o seu jogo com modo online ativado para que qualquer um entre, ou apenas jogar com os seus amigos, e dessa maneira poder interagir apenas com conhecidos. É possível jogar de forma cooperativa e explorar juntos, admirando o lugar, ou mesmo competir e entrar em desafios para ver quem consegue cumprir os objetivos primeiro. A forma de se comunicar é através de gestos e isso apenas mantém mais o clima, com você dizendo aos jogadores o que quer só movimentando os braços.

Com o editor de níveis você pode criar a sua própria ilha tropical, incluindo missões próprias e assim deixando tudo da forma que você achar melhor, dando aquela gostosa sensação de algo só seu e podendo assim surpreender outros jogadores ao convida-los para entrar em sua ilha e mostrar o incrível mar que você criou.

A nível indie, o jogo tem gráficos muito belos, especialmente porque o ambiente tropical e a vida selvagem coopera muito, é lindo ver o movimento de algas marinhas, cardumes de peixes passando bem próximos a você, ou mesmo outros animais menos comuns, como por exemplo tartarugas. Além disso existem certas coisas ocultas no mar que dão um certo climinha de mistério, como navios naufragados, ou estátuas no fundo do mar.

Enfim, esse é um jogo realmente maravilhoso e para quem quer relaxar e se divertir observando, tirando fotos, e explorando os ambientes em busca de coisas escondidas. Quem se interessar pode dar uma conferida no site oficial do jogo.

Nenhum comentário: