Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

domingo, 17 de agosto de 2014

Victory At Sea - Um incrível jogo de batalha naval

Olha, normalmente quando eu vejo jogos diferentes, especialmente os de guerra, eu já penso em experiências lentas de se aprender e onde terei que ver muitos tutoriais para finalmente poder conseguir jogar sabendo tudo o que estou fazendo. No entanto Victory At Sea foi um jogo que me impressionou em apresentar uma jogabilidade facílima de ser dominada, e também momentos muito gostosos de combates que me fizeram querer repetir várias vezes.

A história se passa na segunda guerra mundial, porém como já falado, o jogo apresenta um lado não tão valorizado, que foram as batalhas navais, com combates no atlântico, pacífico e mediterrâneo. E naturalmente, alguns toques de coisas que realmente aconteceram.

A jogabilidade, inicialmente eu pensei que iria ser cheia de inúmeros menus que me consumiria um baita tempo para descobrir exatamente do que se tratava, mas logo eu descobri que não. Além do jogo ter uma jogabilidade simples, ele tem um tutorial fantástico e muito esclarecedor, onde aos poucos vão sendo passado pequenos vídeos em que o narrador demonstra enquanto faz, e tudo ainda é mostrado como se estivesse sendo exibido através de um projetor antigo, com uma certa tremedeira na câmera, e aquele som ao fundo do rolo de filme rodando.

Você é colocado no mar e controla o seu navio de maneira fácil, clicando com o botão esquerdo para se virar, e recebendo ordens e chamadas gerais, que aparecem na tela, e assim você deve navegar em direção a inimigos, quando os encontra, você manda o seu navio se aproximar até encostar, e quando isso acontecer, você escolhe a ação que quer fazer, se optar por entrar em combate, a tela muda e você seleciona a frota.

Os combates realmente são a grande estrela do show, nesse jogo, é muito divertido ver as armas que o seu navio tem equipadas, o alcance delas, e a posição. Cada arma cobre uma certa área, por exemplo, existem algumas que só atiram para os lados, já outras fazem um círculo completo ao redor do navio, e assim vai, naturalmente cada uma delas também tem a sua potência e distância máxima própria.

Os tiros precisam ser calculados, e como você tem controle sobre a velocidade do navio, pode muito bem diminuir ou aumentar a velocidade para que possa dar um tiro certeiro, da mesma maneira é preciso pensar na velocidade em que um inimigo está, pois um tiro em uma posição, pode acabar atirando o mar quando chegar até lá, já que ele quase sempre está em movimento.

Mas o jogo não se limita apenas a combates, são apresentadas de estratégias de guerras para enfraquecer os inimigos, como por exemplo capturar portos para que não tenham onde embarcar, ou destruir embarcações de suprimentos para que soldados rivais morram de fome. Intervir em missões secretas e proteger suas próprias linhas contra intervenção inimiga também são possibilidades.

Graficamente o jogo até que tem uma série de detalhes interessantes, como reflexo do sol no mar, chuva, impacto de projéteis, mas como um todo o visual não é bom não, tudo é muito simples, e o gráfico deixa um bocado a desejar, porém eu não acho que realmente as pessoas irão ligar para isso, porque de certa forma o jogo acaba te transmitindo aquela sensação de que você está liderando operações militares, e a experiência é muito mais estratégica do que gráfica.

Enfim, Victory At Sea é um jogo que me impressionou em transmitir com simplicidade um jogo de estratégia que tinha tudo para acabar complicando muito as coisas, para quem quer experimentar algo diferente, essa é uma ótima opção. Interessados podem dar uma conferida em mais informações no site oficial do jogo.

Nenhum comentário: