Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

segunda-feira, 30 de setembro de 2013

Conclusão sobre o final da série Breaking Bad

A maioria das séries costuma acabar somente quando já conseguiram estragar a história com tanta bobagem, no entanto algo realmente raro de se ver é uma série chegar ao fim exatamente quando se está no ápice, no momento em que todo mundo está fascinado e ansioso por mais, essa sim é uma forma respeitosa de se terminar e deixar registrado na história que sua marca foi realmente fodona, e esse é o caso de Breaking Bad.

Acredito que a maioria das pessoas quando ouve falar pela primeira vez de Breaking Bad, já pensa que é um draminha previsível como tantos que já vimos por aí, ao menos comigo foi assim e para os amigos que contei sobre a série foi a mesma coisa. Por isso com o tempo passei a falar da série não falando sobre a parte do câncer, que é o que desencadeia a série de acontecimentos, mas sim sobre o quanto essa série tem um clima de GTA envolvido, drogas corrupção, mestres do crime, e um humor fantástico de alguns momentos, que ao mesmo tempo que consegue ser hilário, não retira a seriedade da história.

A primeira temporada é a mais suave de todas, também a que monta o cenário, quando eu a assisti, achei legal, muito divertida e considerei uma boa série, mas eu não acho que eu já a sentia como algo épico, era gostoso sim de assistir, algo novo, mas eu acho que ainda não consideraria uma das melhores séries que já vi na minha vida. Porém também tenho que assumir que ela montou um cenário com um clima único, pra começar com a fotografia, todo aquele climinha de tudo se passar em um deserto é incrível pra caramba, além disso um professor vendendo drogas é algo que sai ao mesmo tempo irônico e engraçado. Outra coisa que não se pode esquecer é que essa foi a temporada que criou a imagem mais clássica da série, que é um trailer no meio de um deserto, acredito que a maioria dos fãs sentiu saudades desses "velhos tempos" durante as outras temporadas e bateu aquela sensação de "Aquilo era muito foda...". Além disso a temporada termina de uma forma realmente fodona, com o Walt criando o pseudônimo de Heisenberg e aquela cena dele indo confrontar o Tuco e explodindo a parede do prédio, nossa aquilo foi lindo de se ver, acredito que tenha sido a primeira cena da série que realmente me deu uma emoção incrível e me fez pensar "Caramba, isso foi realmente incrível!".

A segunda temporada na minha opinião foi a que realmente deu o empurrão pra série se tornar inesquecível. Todos os episódios dela começam mostrando algo misterioso, pedaços de coisas espalhadas por uma piscina, um ursinho queimado, e corpos sendo retirados da casa de Walt, o que deu um climinha de mistério bem incrível, já que durante a temporada inteira você fica na expectativa pra saber o que diabos aconteceu. A temporada já começa realmente muito foda com Jesse e Walter sendo sequestrados por Tuco, onde ocorre também a cena de Hank indo apreender, nossa a tensão daquilo foi demais, afinal todo mundo estava vendo que o enteado dele estava prestes a descobrir tudo, esse tipo de tensão fez essa parte da temporada ficar maravilhosa, mas por sorte foi apenas um pedaço das coisas incríveis que ainda iriam acontecer. Essa foi a temporada em que a dupla começou a crescer mesmo no negócio, criando sua própria rede de tráfico, além de gerar cenas bem inusitadas e mesmo sendo engraçadas, bastante sérias, como o Skinny Pete sendo assaltado e Jesse ganhando os créditos como se tivesse matado o marido da vadia com um caixa eletrônico em cima da cabeça dele uahahahaha. Também é a temporada em que Hank é promovido, caramba quem é que não achou chocante e fodona a cena da cabeça do cara em cima de uma tartaruga? Aquilo foi fascinante! Também vemos pela primeira vez o Saul, um personagem que no começo parece ser só um coadjuvante tosco, mas que com o tempo se mostra ser realmente interessante. E por fim a entrada de um dos personagens mais alto níveis da série, o Gus. E por fim a temporada termina da forma mais destrutiva com a queda do avião, mostrando o quanto as escolhas de Walt tiveram efeitos catastróficos, acho que isso até deu um toque meio Donnie Darko na coisa hehehe.
A terceira temporada é aquela dos irmãos assassinos de terno, quem não lembra da macabra introdução deles né? Aquela que apresenta um tipo de ritual em que eles chegam, super estilosos e então vão para o chão rastejar junto com as outras pessoas, também é quando deixam "Heisenberg" no altar. Nesse ponto da série é quando os negócios realmente ficam sérios, Walter passa a trabalhar para para Gus, e há uma série de complicações para se colocar Jesse no negócio, também é quando aparece o Gale, aquele ajudante do Walt que é muito esquisito uahahaha, e claro há as cenas épicas da temporada, como a de Hank enfrentando desarmado os irmãos, que a propósito são realmente fodões pra caramba, se mostram muito implacáveis, e todo o rolo com o Cartel é fantástico também, isso sem contar com a Skyler descobrindo que Walt é traficante e Hank cada vez mais perigoso, voltando os olhos para Jesse. E a temporada também termina com Jesse, apontando uma arma para Gale, implorando por sua vida, e também deixou aquele cima de "Caramba, ele matou ou não o cara?".

A quarta temporada é a que todo mundo gostou de ver o quanto Gus é um homem perigoso, mostrando uma primeira parte claustrofóbica com Gus sufocando Walt e fazendo com que ele vigie Hank, e ao mesmo tempo se sinta cada vez mais inútil e prestes a ser eliminado. Ao mesmo tempo que mostra Jesse crescendo jungo a Gus, ao menos até a trama genial de Walt para virar o jogo e colocar a culpa em Gus sobre o envenenamento do garotinho. Essa é aquela temporada em que tem a épica cena no México em que todo mundo é envenenado e Gus, Jesse e Mike fogem, inclusive o envenenamento do chefão foi foda ein? O cara já tinha preparado tudo com uma equipe pronta pra salvá-lo. A temporada também dá uma virada tão maravilhosa e mostra que Walter é mesmo um gênio, não apenas virando o jogo, mas se tornando um verdadeiro novo chefe do crime, a morte de Gus foi uma das mais incríveis que já vi, com aquela explosão cabulosa.

E então chegou a quinta e última temporada, apelidada de "Temporada Dupla" por ter 16 episódios, mas a primeira parte ter sido apresentada em 2012 e a segunda em 2013, uma baita frescura, não? Uahahahha, mas enfim, como falei antes, os caras fizeram algo único, resolveram terminar a série no momento em que ela tava no seu ápice, Breaking Bad ainda poderia ter mais duas ou três temporadas, seria incrível, mas não, os caras não esperaram o seriado cair o nível, decidiram que iriam acabar ali, onde as coisas tinham ficadas fodonas ao máximo e isso é algo que acho que todo mundo tem que aplaudir, eu não estou falando que eu não queria mais, nossa eu queria muito mesmo ver mais disso, só que eu respeito e embora sinta vontade de ver mais dessa história incrível, fico feliz de ter terminado. Essa é a temporada que mostra Walt como chefão do crime e apresenta o quanto ele cresceu desde que começou, tudo graças a sua genialidade, é a temporada do roubo do trem sem que ninguém percebesse. Também é a temporada em que Walter assassina todos os que poderiam dedurar o ex empregados de Gus ao mesmo tempo, uma parte realmente épica da história, assim como há a surpreendente cena de Walt matando Mike, o que acho que foi até um tanto chocante já que Mike era um assassino extremamente foda e no final é morto por um professor, também acho que causou uma certa revolta com a atitude de Walter.

E aí veio a segunda parte da temporada, mostrando Hank como o novo desafio de Walter, as coisas desmoronando com finalmente a sua família inteira descobrindo quem ele era, e também os momentos incríveis, a ameaça que ele fez a Hank com o conteúdo daquele dvd, o ataque dos bandidos para salvar Walt e que acabam matando Hank, que a propósito me surpreendeu muito, eu pensava mesmo que ele ia sobreviver, as últimas palavras dele deram até um aperto no coração, e até mesmo Jesse teve seu momento como manipulador nessa temporada, vão dizer que não ficaram empolgados com a cena em que ele manda uma imagem do dinheiro enterrado e diz que vai fuder a porra toda? Uahahahahaha.

Agora sobre o último episódio, eu tenho que dizer, eu não esperava que ele fosse épico porque a série já atingiu um grau tão fodão, que ela realmente já tinha me conquistado o suficiente e eu não esperava algo inovador, e realmente não senti isso. Não estou falando que o episódio não tenha sido bom, eu amei aquela cena inicial onde Walter invade a casa de seus ex companheiros e os ameaça com os "assassinos" mirando neles, e a vingança dele foi muito foda, aquela cena da metralhadora foi épica, só que realmente gostaria de ter visto ao menos mais duas cenas épicas no episódio, tivesse a sensação de "Nossa, ele ta resolvendo um por um dos problemas." e queria que apresentassem ele indo visitar seus inimigos e acabar com eles de forma humilhante. Mas foi uma surpresa, depois do tiroteio ainda teve a ceninha dele falando pra vadia que ela ia bater as botas logo, mas então ele aparece no chão aparentemente morto e acaba, eu achei meio seco isso. Mas como falei, já não esperava algo que realmente fosse capaz de me fazer ficar mais empolgado do que já estava, então não foi um final que eu considere ruim.
Enfim, ta aí uma série que eu nunca vou esquecer, os personagens de Breaking Bad são realmente VIVOS, você percebe o estilo próprio de cada um, não existe aquele negócio de "Amo eles e vão ser sempre assim." os personagens tem características próprias da personalidade que te fazem amar e odiar, vão dizer que em momento algum não acharam o Walter ou o Jesse verdadeiros filhos da puta? Há suas virtudes neles, mas também há as falhas de personalidade, um bom exemplo é em como Walter é egocêntrico e queria os créditos até mesmo por algo ilegal como a droga azul, coisa que normalmente uma pessoa não iria querer ter ligação alguma, ele ficava puto em ver alguém usando a invenção dele, coisa que é mostrada claramente que é parte da personalidade dele e não algo forçado, pode-se ver bem com a empresa que ele ajudou a fundar e guardou rancor pra sempre dos seus ex companheiros. Essa é uma série que deixou saudades, as tretas entre Jesse e Walt caindo na porrada que sempre matavam de rir, o ambiente tão quente e brilhante, com uma fotografia impecável sempre mostrando ângulos fodas de câmera e coisas como uma aranha andando no deserto ou um horizonte vazio. Existem séries que quando eu cheguei ao último episódio eu só pensei "Vou sentir saudades, mas tava na hora mesmo de acabar", foi assim com o Final de Dexter, mas com Breaking Bad tudo o que eu conseguia pensar no último episódio era "Nossa, será que já passou muitos minutos? Espero que não!" uahahaha, bom é isso aí, essa é minha opinião, e vocês o que acharam?

Confiram também:
-O professor que tentou imitar a série e foi pego pela polícia!
-Remake da série feito em versão infantil espetacular!

Nenhum comentário: