Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

domingo, 14 de julho de 2013

Você sabe por que os gráficos dos consoles evoluem se as peças dele nunca são mudadas?

Uma coisa que faz muita gente ficar sem entender o motivo ao certo é ver que os gráficos de um jogo para console do início de uma geração podem ser infinitamente inferiores aos gráficos do final de uma geração e então surge aquela pergunta "Por que evoluíram isso só depois? Por que não fizeram bonito assim logo no começo?", uma pergunta dessas poderia não ter sentido se fosse para um jogo de PC já que computadores evoluem, porém quando se trata de video games, o hardware se manteve o mesmo, portanto por que não fizeram aquela maravilha do final da geração no inicio?

Bom, de certa forma isso pode ser sim culpa da equipe, pode ser que sejam desleixados e ao invés de fazerem um trabalho foda, acabam pegando leve e fazendo algo horroroso, da mesma forma que ela pode pegar pesado e acabar saindo tão lindo que durante toda a geração seja algo bonito, até mesmo no fim. Por outro lado o que realmente pesa nesse quesito é a evolução, quando um video game é lançado, as equipes tem que aprender tudo sobre, ver o que ele é capaz e o que pode ser feito.

Então mesmo sendo a mesma arquitetura, com o tempo, novas técnicas são desenvolvidas, assim como certas coisas que podem disfarçar a incapacidade do console, um ótimo exemplo é Silent Hill do playstation 1, a cidade é enorme, porém não tem céu e não tem horizonte, você só pode ver o que ta bem em sua frente, e a forma que os caras fizeram pra isso não ficar tosco foi genial, colocaram o principal elemento da cidade, a neblina! Tornando assim um jogo espetacular e apesar de tudo com gráficos bonitos a nível de PS1!

Então, no fim de tudo claro que as coisas dependem também do empenho da equipe em se ter boas ideias para se fazer coisas boas e camuflar certas falhas e iludir o jogador fazendo algo parecer ser maior do que realmente é, porém não é apenas isso, o próprio console é um mistério quando é lançado e aos poucos vai sendo desvendado e assim as equipes aprendem a fazer coisas melhores. Por isso um console clássico comprado no dia do seu lançamento pode rodar um jogo do final de uma geração, ele sempre pôde, a diferença é que a tecnologia não evolui apenas como hardware, ela evolui também como software, é como pedir para fazer uma montagem do photoshop no paint, se você parar pra pensar, as duas imagens são feitas de pixels e se a pessoa pintar UM a UM dos pixels nas cores exatas, pode fazer exatamente a mesma montagem, o paint sempre teve essa capacidade, o complicado é fazer hehehe. Bom, é isso, espero que essa postagem seja útil ao menos a nível de curiosidade. =)

5 comentários:

Yan disse...

Boa. Vale lembrar que os motores gráficos também evoluem e passam a ser capazes, muitas vezes, de executar as mesmas tarefas gráficas utilizando menos do hardware.

Agelus disse...

Bom exemplo no final.

Gabriel disse...

Lembrando também das várias atualizações de firmware disponibilizadas pelas fabricantes

Arthur disse...

Aquilo era uma batedeira no olho do cara? Hehehe

Matheus Moreira disse...

o gif me lembrou o premonição 5