Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

Blackthorne - Um príncipe com uma escopeta Ò_Ò

O que acontece quando a Blizzard se junta com a criadora de fallout? Simples, o resultado é Blackthrone! Um jogo fodão pra cacete e que me fez perder muitas e muitas horas na infância ao invés de estar lá fora brincando com os meus amiguinhos. Ò_Ò

História

O planeta Tuul é dividido entre dois reinos, um de luz onde humanos vivem e outro de escuridão onde as pessoas foram transformadas em monstros devido à corrupção de suas almas. Sarlac, um ser de Ka'dra'suul, o reino das trevas começa a liderar um exército para atacarem Androth, o reino da luz. Diante da evidente derrota, o rei Vlaros pede a ajuda do mago Galadril para enviar o seu filho Kyle Blackthorne para um lugar seguro, onde esse deve viver até estar pronto para retornar ao planeta Tuul e libertar o seu povo. Vinte anos depois, o mago usa o seu poder para fazer Blackthorne retornar ao seu planeta e cumprir o seu destino.



Sobre o jogo

Eita porra já deu pra ver como a bagaça é psicodélica ein? Esse é um jogo da época do super nintendo que eu joguei pela primeira vez quando tinha onze anos de idade e na época eu não consegui zerar nem a pau a bagaceira de tão difícil que ficava a partir de um determinado ponto, mas atualmente resolvi jogar de novo e fui até o fim, tenho que assumir que penei, eita joguinho difícil DUCACETEÒ_Ò. Foi o primeiro jogo que me fez dize "Ahhh, nada como o sonzinho da escopeta!".

O jogo tem um estilo muito diferente do que eu era acostumado na época, ele não é colorido e com um personagem bonitinho (não mesmo), se passa em um mundo triste cheio de gente pendurada por correntes e sendo escravizada, o planeta Tuul é medieval mas ao mesmo tempo usa diversos elementos futuristas como cartões de acesso, computadores, pontes lasers e outras coisas, só que de resto é medieval com magia e tudo mais.

Para quem vê Blackthorne sem jogar direito, pode achar que é um jogo que segue a linha de Super Metroid, no entanto é só impressão. Ele é um jogo de fases, mas você tem que ir montando os quebra cabeças e descobrindo lugares secretos para passar para o próxmio estágio, alguns momentos chegam a ser desafiadores até demais, quando você tem que enfrentar multiplos inimigos, às vezes atacando de dois lados, ou tem que saltar de forma sincronizada para cair exatamente no lugar certinho.

A sua principal arma é uma escopeta e você pode atirar tanto pra frente, quanto de forma super estilosa pra trás sem nem olhar (isso sim é um cara fodão uahahaha). Mas existem também alguns tipos de bomba pelo jogo que você consegue e pode usar, apesar de que na maioria das vezes é bom economizar itens.

Os personagens do jogo são muito interessantes, você pode conversar com os escravos e alguns te dão itens, algumas criaturas quando te atingem riem de você, no meio de um tiroteio os inocentes podem tomar bala tanto dos inimigos quanto suas, e se você for do tipo que gosta de fazer uma maldade pode chegar já matando inocentes mesmo uahahaha. Mas não ache que todos eles são calminhos, alguns pegam uma pistola e te metem bala, além é claro dos humanos traidores que se rebelaram nesse caótico mundo e passaram para o lado das trevas, te atacando se você se aproxima.

Enfim

Esse é um jogo que gosto muito, nostálgico, com uma ótima qualidade que a Blizzard costuma por em seus jogos sempre e que com certeza fará muita gente quebrar a cabeça pra tentar passar de certos lugares hehehehe. Ele foi lançado também para PC e atualmente é gratuito! É só se cadastrar no site da Blizzard e baixar aqui, recomendo também que ao jogar, use um controle no PC, hoje em dia dá pra achar o de Xbox 360 a preço de banana.
Twittem aí para seus amigos pessoal =D

6 comentários:

jackson disse...

hey sky,sei q vc deve ter jogado ele no emulador pra dar sua opiniao.mas ai vai a perguntinha de 1 milhao.nao se se vc tem idade suficiente,mas vc ja jogou ou ouviu alguem dizer q jogou black thorne no 32x?pois vou te dizer cara,eu tive a chance de fazer isso e vou te dizer uma coisa,o jogo e outra coisa.o soda mesmo era os loadings,ja q nos primordios dos consoles de CDs,estes demoravam horas pra carregar uma fase.

Felipe Chabat '-' disse...

Eu joguei ele anos atrás '-' quando ainda estava descobrindo a magia dos emuladores...é um jogo muito legal, espero um dia zerá-lo...

Matheus disse...

CARALHOOOOOOOO eu e meu pai zeramos no snes muito foda o chefao final/mecagava de medo do jogo

tinha esquecido o nome tentava lembrar dele um dia desses

Cyber Victor disse...

Esse game é um dos meus favoritos e realmente é um dos melhores que já joguei em toda a minha vida. Zerei ele alguns anos atrás e comecei a jogar ele novamente no final de 2011. Muito bom mesmo. :D

snipernael disse...

Cara isso e até engraçado por que eu não consegui passar da primeira fase por que eu ficava preso em uma sala onde não tinha nenhum canto pra ir mais o jogo era muito foda na epoca

Skywalkerpg disse...

jackson, joguei ele inicialmente no super nintendo mesmo, mas não consegui zerar na época porque a dificuldade era fora do comum pra mim kkkkk, atualmente zerei no emulador mesmo. Eu tinha visto a versão do 32x em imagens, mas ela e a do snes são da mesma época, 1994, as outras versões que são de mais tarde.