Jogador gastou 10 mil dólares em Diablo Immortal e acabou se dando mal

Diablo Immortal entrou em barracos sem fim depois que jogadores calcularam que levaria 10 anos pra chegar a um personagem supremo sem ter que pagar. E à partir daí surgiu de tudo, desde pessoas em defesa do jogo, até streamers que resolveram testar na prática algumas coisas. E claro, se destacaram aqueles que resolveram de fato pagar pra ver na prática a coisa.

Em meio à briga, muitos fãs defenderam o jogo, falando que joga quem quer, ou que isso é apenas para jogadores extremistas, que é possível só jogar sem pensar em chegar ao nível máximo, e assim se divertir. A treta foi tanta, que o próprio diretor do jogo, Wyatt Cheng, decidiu entrar no tapa também e comentou que foi proteger o jogo.
O desenvolvedor disse que as pessoas estavam espalhando desinformações pela internet, fazendo com que as críticas ficassem negativas. Então comentou que muita coisa está errada e que não há como adquirir e nem aprimorar "gear" usando dinheiro. E o resultado foi o povo caindo em cima, falando que ele que estava espalhando desinformação, pois parece ter escolhido palavras exatamente pra confundir, usando o termo "gear", que abre a possibilidade para várias interpretações e aí sim pode confundir a que ele está se referindo.
Mesmo com o povo sentando o pau, ele continuou e disse que pode até concordar que uma pessoa não queira gastar dinheiro em um jogo, mas que tem que se pronunciar quando esse "gostar ou não gostar" de gastar dinheiro veio através de uma desinformação e por isso estava protegendo o jogo. Mas claro, sendo o diretor, o povo ficou bem desconfiado.

Alguns foram atrás para testar a diferença entre um jogo pago ou de graça. Naturalmente começando pelos mais modestos, como o streamer Asmongold, que apresentou a coisa de uma forma bem prática. Jogando em uma masmorra ele viu tudo o que conseguiu sem gastar nada. Depois ele testou de novo investindo 20 dólares e notou que teve um loot muito melhor. Confira:
Apesar de tudo não dá pra dizer que todo mundo ficou feliz. E aqueles que gastaram valores realmente cabulosos com certeza estavam esperando por resultados também cabulosos. Um exemplo é o streamer neozelandês Quin69, que resolveu cair em cima nos gastos e aplicou 10 mil dólares neozelandeses no jogo para conseguir as tão badaladas gemas lendárias cinco estrelas. E ele conseguiu ZERO. Seu comentário:

"Isso mesmo! Gastei $10.000 e não recebi nada! Este é um ótimo jogo! A Blizzard deveria estar orgulhosa, quem precisa de $10.000 de qualquer forma? O que eu compraria? Um carro? Pagar a escola dos meus filhos até os dezoito anos? Pegue meu dinheiro, Blizzard! Toma o meu dinheiro!"

Inclusive esse jogador deletou sua conta depois de gastar ainda mais. A treta em cima do jogou a um nível que o jogo conseguiu bater um recorde realmente vergonhoso, que foi o de jogo pior avaliado do metacritic. Uma legião de fãs irados começou a dar notas negativas até baixar ao nível de nota 0.2! O jogo conseguiu superar umas tranqueiras tão esculhambadas que o povo nem conhece o nome porque caiu no underground. Depois a nota aliviou um pouco, mas nada demais, deixando marcado o recorde.

Enfim, esse é um jogo que teve suas altas e baixar. A recepção ao ser anunciado foi terrível, com jogadores descendo o pau porque estavam na expectativa do anúncio de Diablo 4 na época e anunciaram um jogo de celular. Mas na medida em que o tempo foi passando, as coisas apresentadas foram conquistando o público. Porém após o lançamento, a política agressiva de ganhar dinheiro pesou muito, sendo comparado a uma máquina de caça-níquel.

Postar um comentário

0 Comentários