Street Fighter 6 é acusado de usar logo de um banco de dados de U$80 da Adobe!

Vocês certamente já devem ter visto para aí, algumas coisas que são super estilosas, mas que estão na cara que são genéricas. Tipo aqueles blogs com visual tunado, super futurístico, mas que não tem conteúdo nenhum, e fica evidente que o cara só baixou algum layout por aí, fez upload, e pronto! Algo estiloso, mas genérico ao mesmo tempo! Pois bem... A Capcom foi acusada de ter feito algo do tipo com a logo de Street Fighter 6!

Quando o jogo foi anunciado em 21 de fevereiro de 2022, a desenvolvedora japonesa optou por não mostrar praticamente nada, apenas colocando um vídeo rápido do Ryu. E claro, para algo tão esperado assim, os fãs analisaram o que tinha pra analisar. Falaram que o personagem tava parecendo um marido bêbado, e claro... Notaram a logo que tinha mudado.
Uma das suposições que rapidamente surgiu na comunidade, foi a de que fizeram isso para parecer algo mais sério, abandonando o design clássico dos anos 80 e colocando algo mais "estilo empresarial", com elegância e pra dar aquele toque de estilo. No entanto, o problema de fazer algo assim, é que existe uma linha bem tênue entre o elegante e o genérico. E enquanto alguns gostaram, muita gente detestou e sentou o pau.
E em meio às conversas variadas sobre de onde veio aquilo, é que apontaram um template da Adobe. E até aí nada demais, já que a internet faz de tudo... Porém a coisa ganhou força quando o diretor criativo da Ars Technica, Aurich Lawson, apareceu e disse:
 
"Eu nem sei o que dizer. Eu sabia que era genérico, mas  eu não tinha percebido que era ruim desse jeito. Eles procuraram por SF em um site de imagens, arredondaram algumas pontas e tacaram um 6".

Depois disso já viu né? A internet simplesmente não perdoou e caiu em cima ainda mais da Capcom com o design tão peculiar apresentado. E vocês, o que acharam? Gostaram ou acharam ruim? Acreditam que é possível que a Capcom tenha feito uma coisa dessas? Ou acham que é a mais pura coincidência?

Postar um comentário

0 Comentários