Game Pass foi responsável por sucesso de Back 4 Blood (Segundo a desenvolvedora)

A Turtle Rock Studios foi a desenvolvedora que a Valve contratou e deixou como responsável pelo desenvolvimento de Left 4 Dead. Mas depois disso o estúdio desapareceu por um bom tempo, teve uma tentativa de retorno tão falha que ficou complicado, mas então fez um jogo igual, Back 4 Blood, que foi lançado por R$ 279,99 a versão básica e R$ 459,99 a versão completa, mas ainda assim conseguiu sucesso e o estúdio diz que o motivo disso foi o Xbox Game Pass e PC Game Pass.

Originalmente Left 4 Dead quase foi um jogo sobre fadas, e teve uma longa evolução até virar o que conhecemos. Mas depois de finalizado, a Turtle Rock Studios não teve parte no desenvolvimento da versão base da sequência que veio em menos de um ano, Left 4 Dead 2. Apenas criou suas DLCs, que não tiveram destaque tão grande, pois reutilizava muito do que já foi mostrado e às vezes o conteúdo era um tanto limitado. Existem até mapas de fãs muito melhores que os oficiais.
O nome da empresa nunca foi muito associado a Left 4 Dead, com o peso ficando mesmo em cima da Valve, e nesse tempo muita coisa aconteceu. Surgiram coisas inusitadas como a versão de Left 4 Dead em 2D, ou mesmo algumas coisas realmente underground que pouca gente ficou sabendo, como a versão japonesa com personagens próprios.

A empresa lançou um pequeno jogo para celular em 2011 chamado "Leap Sheep!", mas seu retorno mesmo veio em 2015 com Evolve. O jogo prometia ser a sequência espiritual de Left 4 Dead, se passando no espaço, tendo um jogador controlando um inimigo que vai evoluindo a cada fase. Mas tinha tanta DLC que Evolve caiu em desgraça. Tentaram deixar de graça, mas a coisa simplesmente não pegou nada, fecharam os servidores e quem comprou uma tonelada de DLC, se deu mal.
No final de 2021, voltaram com Back 4 Blood, que claramente usou da nostalgia de Left 4 Dead como marketing. A Valve não se importou, já que não tem problemas em abrir mão de suas obras e já até mesmo deixou os próprios fãs fazerem o remake de Half Life 1 e venderem na Steam com o nome de Black Mesa Source. Portanto mesmo sendo praticamente uma sequência de Left 4 Dead distribuída pela Warner Bros. Games, não ligaram.

E em entrevista ao GameReactor, a desenvolvedora comentou sobre o sucesso, apesar das notas da Steam não terem ficado muito boas:

"O Xbox Game Pass oferece vários benefícios: se você for assinante, poderá acessar muitos jogos e experimentar títulos que antes você estava indeciso. Quem nunca jogou um shooter cooperativo com zumbis, por exemplo, pode experimentar Back 4 Blood e talvez descobrir que é o tipo de jogo certo para eles."
 
"É por isso que acredito que o Game Pass representa uma grande parte do nosso sucesso, estamos entusiasmados em ver que os usuários continuam a acessar o jogo através do serviço de assinatura. Adoramos, para nós é algo muito significativo."
 
"Para nós, desenvolvedores, a redução da barreira de acesso dos usuários aos videogames que fazemos é um fator de enorme importância, porque de repente nos permite não ter mais que arriscar com preços introdutórios mais baixos.”
 
Algo curioso sobre esse último comentário, é que mostra o valor que serviços por assinatura ganharam. Muita gente desistiu de comprar jogos, já que com o passar dos anos, se tornou comum comprar um game e não jogar, os anos se passarem e a coisa chegar a ponto de entrar na lista de jogos grátis, causando aquela revolta. Mas serviços de assinatura ao menos permitem a pessoa jogar o que quer e ter acesso a outras coisas, podendo cobrir o preço pago nesse pequeno tempo. E vocês, jogaram Back 4 Blood, o que acharam? E serviços de assinatura, acham que vale a grana?

Postar um comentário

0 Comentários