The End of Pokemon | A versão sombria do fim do anime

Apesar de termos oficialmente lançado inúmeros conteúdos relacionados a pokemon, também contamos com uma infinidade de conteúdos criados por fãs, desde o evento que foi processado pela nintendo até coisas bem bizarras como o Pikachu com Pepeka que virou conteúdo oficial. Mas tem algumas obras que surpreendem ao absurdo, e uma delas é The End of Pokemon.

Não é a primeira vez que os bichinhos da Nintendo aparecem em algo mais sério, já tivemos por exemplo o impressionante conceito apresentado em 2010 de um filme sombrio em live action de Pokemon, e aqui temos algo que segue o mesmo conceito, deixando tudo com uma atmosfera um tanto diferenciada.

O negócio é feito pelo Adi Shankar, que é produtor de Castlevania da Netflix, e apesar da animação ser um tanto travada, no fim das contas acaba prendendo pela história apresentada, o que por sua vez dá aquele toque um certo charme na animação meio feia, com um design esquisito. Passa aquela sensação de algo podre, em decadência, que combina bem com o universo apresentado.
A história se passa no futuro, quando Ash conseguiu se tornar o melhor, mas fez de tudo para isso, Pikachu morreu, deixando-o perturbado. Ele tenta mudar o mundo e acabar com as lutas pokemon, isso gera um "culto" com seguidores e há uma revolução, mas as coisas saem do controle, fazendo as violências nas ruas aumentarem e o caos reinar.

Postar um comentário

0 Comentários