Essas são as artes conceituais de Homem-Aranha: no Aranhaverso

O filme Homem-Aranha: no Aranhaverso encantou o público por seu visual peculiar, no entanto até mesmo animações também contam com artes conceituais, e não foi diferente com esse. O que acaba sendo interessante pelo detalhe de que apesar de usar o mesmo design, é no formato de pintura e mostra bem o quanto a equipe gostou do visual original da coisa, até porque em meio à quantidade monstruosa de produtos do Homem Aranha, alterar um visual para outro seria um pulo.



A real é que a sensação que eu tenho é que o plano realmente não era ter esse estilo, até porque quando se pensa em mais uma animação 3D do homem aranha, é fácil imaginar algo genérico. Se fosse pra eu imaginar algo inovador, certamente seria algo em um 3D com elementos ultra realistas como Gantz G ou certos aspectos de FF7: Advent Children. Isso porque é difícil imaginar algo diferente e que se destaque ao mesmo tempo, porque diferente e feio é fácil.

Então vendo essas artes, fico pensando se realmente os caras tavam imaginando algo assim desde o começo, ou se simplesmente ficaram encantados, afinal artes conceituais tem tendência a mudarem cabulosamente e estão ali pra apresentar uma ideia da coisa, não pra serem convertidas, tanto que tem umas que são feias de doer. Mas quem sabe a ideia do filme não tenha surgido já com esse conceito maravilhoso né?

Pra quem não conhece, Homem-Aranha: no Aranhaverso apresenta a história de um jovem Homem Aranha que acaba entrando em contato com outros universos, tipo Spider-Man Shattered Dimensions. Enfim, confiram:













E aí, o que acharam?

Postar um comentário

0 Comentários