Dark Void - Um jogo pra quem tem paixão por voar

História

Will é um piloto e sua tripulação acabam passando por uma área de turbulência que misteriosamente leva o avião para um lugar que não é mais o planeta terra. Logo ele percebe que terá que lutar pela sobrevivência no ambiente completamente hostil.

Sobre o jogo

Esse é um jogo que desceram o cacete, as notas dele realmente foram muito ruins mesmo. Foi considerado um dos jogos mais decepcionantes do ano de lançamento. Mesmo assim eu tinha jogado a demo e não desisti de jogar ele, a ideia de voar ainda me parecia agradável demais.

Bom, acredito que a primeira coisa que causa certo preconceito em cima do jogo é o fato dele parecer bastante genérico no começo. Logicamente o que a maioria dos que vão jogar querem é voar, mas existe um pequeno período em que você fica apenas com o tradicional andar, pular e atirar.

Logo você vai evoluindo e ganhando melhorias, o primeiro jetpack não voa pra valer ainda, ele apenas dá um impulso e permite planar, o que ao meu ver já é muito legal e preferi assim do que ir direto pro Jetpack fodão. As armas também tem suas atualizações, mas a quantidade é tão baixa e fica meio imperceptível, fazendo com que pareça algo que foi colocado mais como enfeite do que algo que empolgue mesmo e faça a pessoa pensar "Caramba, mais um pouco e vou fazer essa atualização!".

O combate do jogo é bastante genérico, quando você se aproxima de um inimigo no chão, pode apertar o botão pra finalizar com combate corpo a corpo, no entanto deve ter só umas duas ou três animações de finalização, o que faz parecer tão tosco. Quanto ao combate aéreo é pior ainda porque tem finalizações com apenas uma animação, naturalmente faz com que pareça repetitivo pra cacete.

Agora uma coisa que adorei no jogo, foi o combate na parede, acho que o único jogo antes desse que eu já vi com combate na parede, foi Spiderman Web of the Shadows, e no caso desse o combate é feito em plataformas, você pode se pendurar na parte de baixo de uma plataforma usando ela como lugar pra se esconder e as vezes aparecendo pra meter bala, enquanto isso nas plataformas de cima ou de baixo os inimigos fazem o mesmo, é tão legal se movimentar entre elas, ir se jogando, ou mesmo puxar um inimigo e lançar ele pra baixo, ou até derrotar ele e ver o corpo caindo.

Voar é a principal atração do jogo, realmente é muito gostoso voar. A primeiro ponto é uma droga conseguir controlar o personagem, muita gente desistiu do jogo simplesmente porque controlar o personagem voando era complicando demais. Mas eu não desisti por isso, mesmo porque já passei por algo parecido em Assassins Creed e no fim acabou sendo uma experiência maravilhosa. Apesar de basicamente ser só voar e atirar em tudo que se mexe, é gostoso poder controlar o personagem, tipo apertar o botão de movimento especial e apontar pra esquerda ou direita e ai ver o personagem girando, o que permite sair do caminho de balas que estejam te atingindo ou mesmo desviar de uma montanha, o mesmo serve se apertar o botão pra trás, fazendo o personagem dar uma girada pra trás e seguir.

Também é legal usar o jetpack no chão, ele parece muito uma geringonça e quando você ativa a turbina o persoangem sai voando balançando os braços e pernas tentando acompahar a velocidade que está. Isso ér perfeito para caso você esteja muito ferido, é só ativar e você sai voando pra muito distante.

A impressão que o jogo me passou mesmo foi que ele não é um lixo e nem uma obra prima, é simplesmente um jogo pro momento, com alguns elementos próprios que dá a ele um estilinho especial, mas não é inovador, apenas mais um jogo pra passar o tempo.

Enfim

Sim, eu concordo que esse jogo tinha muito mais potêncial, Jet Pack é algo que atrai demais. Eu pensava que o jogo seria em mundo aberto, o que seria maravilhoso mas até que é aceitável fases. Os caras falharam feio mesmo foi em por controles horrorosos pro Jetpack. Mas em geral, eu achei esse jogo divertido, não esperava muito dele de qualquer forma, talvez por isso tenha aproveitado de verdade. Ele é muito curto e a sensação de liberdade no ar é incrível, acho que pra quem só quer passar o tempo, vale a pena, não é um jogo que vou guardar pra sempre na memória, mas sem dúvidas eu jogaria outro parecido, poucas horas e se zera.

Postar um comentário

2 Comentários

  1. http://xubabi.blogspot.com.br/2013/01/as-quatro-dimensoes-e-o-buraco-de.html

    Olá, Nerd, seu Maldito. Seu blog me inspirou a criar um também, e eu queria saber sua opnião sobre esse post. É um exercício de lógica doido aí que eu fiz quando estava entediado e só tinha um lápis e um papel. Se puder me responder, agradeceria muito :D

    ResponderExcluir
  2. Putz dark void da até arrepio de ver esse nome e,e o jogo ruim meu deus.Como bem destacado,o ponto positivo é ficar vuando mesmo

    ResponderExcluir