O homem que assassinou o vizinho por ter desligado o WI-FI

É muito estranho como a tecnologia se tornou parte de nós. Se antes a preocupação em vícios era com drogas e jogos, hoje em dia a tecnologia é tão presente em nossas vidas que a ausência dela é capaz de gerar um estresse absurdo. No entanto vez ou outra a coisa vai ao extremo, e um exemplo é o homem que acabou assassinando o vizinho por ele ter desativado o wifi no roteador.



O caso aconteceu em Ourinhos, no interior de São Paulo, no início de março de 2019, quando uma equipe da polícia recebeu uma chamada para averiguar um suicídio que aconteceu na Rua Antônio Cruz. Fora ser uma tragédia, até aí nada demais, afinal de contas é normal chamarem a polícia se descobrem alguém que se matou né? Lá encontraram Alexandre Pinilha Vita, que tinha 47 anos e o corpo estava na frente da casa.

Mas a coisa começou a ficar realmente estranha quando a polícia foi dar uma olhada dentro do estabelecimento, pois estava completamente revirado e com sangue. Logo ficou evidente que para um suposto suicídio, a coisa tava estranha demais, afinal de contas por que uma pessoa iria se cortar, revirar tudo na casa e então ir se matar do lado de fora?
Foto da Vítima, Alexandre Pinilha Vita.
A polícia foi interrogar os vizinhos e quando chegou a vez de Evandro Leonardo de Paula, que estava escondido na lavanderia de casa. No entanto não aguentou a pressão e confessou logo o que realmente aconteceu. Ele tinha tido uma discussão com o vizinho, que tinha desligado o roteador wi-fi, e ele usava a internet que vinha da casa desse vizinho, então a coisa acabou em tragédia. Segundo ele foi o vizinho que o atacou com uma faca, daí ele arrancou e matou o homem.

Não é a primeira vez que coisas estranhas acontecem por vício ou paranoia relacionado à tecnologia, teve por exemplo o fanboy da Nvidia que matou o amigo que gostava da AMD, também o caso daquele chinês viciado em PC que foi arrastado nu pela rua, ou mesmo coisas completamente insanas como o medonho caso do drone que filmava pela janela.

É galera, não tem como negar, nós já estamos em Black Mirror, apenas não costumamos ser os protagonistas dos episódios, porque o nosso mundo tem potencial para coisas realmente insanas relacionadas a tecnologia. Mas isso só deixa um alerta que é preciso manter a calma com as coisas, ou podem acabar realmente mal para todos.

Comentários