Veja se The Black Death roda no seu PC

Se você está cansado de universos medievais bonitinhos, talvez seja hora de conferir algo do gênero Dark Fantasy, e em The Black Death você e seus amigos vagam por um mundo tomado pela peste negra e tem que se virar para sobreviver, seja em grupo ou sozinhos. E se você estiver pensando em jogar, é hora de conferir os requerimentos mínimos.


Esse é um jogo com uma temática bastante diferente, diferente da maioria dos jogos medievais onde os personagens são puramente magos, guerreiros, arqueiros, etc... Nesse todos são médicos e devem explorar um mundo onde podem ser mortos ou roubados, assim como podem fazer o mesmo, e é preciso tomar cuidado para não se infectar e morrer, perdendo o personagem pra sempre. O cuidado também deve acontecer na saúde do personagem, evitando contato com doentes e tendo que comer alimentos que apodrecem com o tempo.
    Requisitos Mínimos:
    • SO: Windows 7 / 8 / 10 (64bit OS)
    • Processador: 2 GHz Dual-Core 64-bit CPU
    • Memória: 6 GB de RAM
    • Placa de vídeo: Compatível com GPU com 1 GB de Video RAM
    • DirectX: Versão 11
    • Rede: Conexão de internet banda larga
    • Armazenamento: 10 GB de espaço disponível
    Requisitos Recomendados:
    • SO: Windows 7 / 8 / 10 (64bit OS)
    • Processador: 3 GHz Dual-Core 64-bit CPU
    • Memória: 12 GB de RAM
    • Placa de vídeo: Compatível com GPU com 2 GB de Video RAM
    • DirectX: Versão 11
    • Armazenamento: 10 GB de espaço disponível

E aí, tranquilo? Roda? Não? Bom a primeira solução é a mais óbvia, hoje em dia dá pra encontrar PC's baratos que rodam esse jogo. Mas se a grana estiver mesmo apertada, algo que pode ajudar é dar uma olhada naquelas dicas para rodar jogo pesado em PC ruim, e um alívio também é que sempre os requisitos mínimos estão acima do mínimo real, então se você estiver disposto a jogar mesmo que corte todos os efeitos, talvez dê, por exemplo veja alguns computadores ruins rodando GTA 5. ou você pode só desistir e apenas se contentar dando uma olhada nesse fantástico vídeo:

Comentários