Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

quinta-feira, 7 de setembro de 2017

Ballistic Overkill | Jogo brasileiro de tiroteio frenético

Não entendo porque esse jogo não é mais falado, quero dizer, sempre que aparecem jogos como Toren, Chroma Squad e Odallus, e é anunciado que é brasileiro, o povo fica eufórico. No entanto com Ballistic Overkill as pessoas não tiveram essa reação, e o mais estranho é que é daquele tipo que não é jogo de nicho, como os citados, mas sim algo que a maioria das pessoas consegue se adaptar facilmente.



Mas bom, eu só fiquei sabendo da existência dele quando saiu na steam, e ao meu ver era algo novo, no entanto quando publiquei, logo apareceram leitores dizendo que era um jogo do facebook. Fiquei impressionado de um gráfico daqueles rodar no facebook, mas não fui atrás. Os meses se passaram e acabou surgindo uma oportunidade de experimentar, fui então atrás. Descobri que na verdade é uma sequencia da versão do facebook, que foi lançada para steam.

O visual me pareceu bastante familiar, e logo entendi o motivo. Ele é da Aquiris Game Studio, empresa de Porto Alegre, e que eu já tinha visto graças a outro jogo dela, o Quantum Conflict. E é notável que Ballistic sugou bastante daquele jogo, pois tem um monte de coisas super semelhantes, embora a proposta seja diferente.

O foco aqui é o multiplayer, então não tem história ou campanha, é um jogo no estilo Team Fortress, no entanto vi várias comparações com Counter Strike e Call of Duty, jogos que não tenho muita familiaridade, então não só posso imaginar que a comparação seja devido ao tom mais realista, com armas normais e visual mais escuro.

São sete classes, cada uma com seu próprio estilo de jogabilidade, sendo assim é comum cada jogador acabar se adaptando mais a um certo tipo. Por exemplo, é possível ir com uma mais discreta, ficando transparente pra se camuflar com o cenário e matar com uma faca, mas também se pode usar uma classe que faz exatamente o contrário e sair com uma baita arma fazendo bastante barulho.

A coisa varia mais ainda com o fato de que os personagens tem níveis e podem destravar armas, elas são balanceadas, portanto as vezes dão mais dano, porém atiram menos balas ou tem uma precisão menor. Porém dependendo do jeito de jogar da pessoa, pode valer a pena sacrificar um atributo para ter vantagem em outro.

São dezenas de armas, e tanto elas quanto os visuais dos personagens podem variar, pois quanto mais você joga com um personagem, mais vai destravando coisas novas. Então se você quiser ter um personagem mais personalizado, vai ter que chegar a um determinado nível com ele, isso te obriga a aprender a jogar com aquela classe.

Existe um sistema de caixas que foi uma surpresa pra mim, especialmente pelo preço caro que as vendi uahahaha, teve uma que coloquei só pra testar se demorava, e assim anunciei por R$1,15 (Pra ganhar 1 real) e o anúncio mais barato estava 95 centavos, eu vendi em mais ou menos uma hora, e vi que no dia anterior alguém tinha vendido a mesma caixa por R$ 2,50.

Não é preciso de chaves pra abrir as caixas e segundo a descrição na steam, dá pra pegar de duas a quatro caixas por semana. Sendo assim, pra um jogo que custa menos de 20 reais, me impressionou pra caramba, isso sem contar com as cartinhas steam que ele também gera. Cada item também tem níveis de raridade.

Os mapas do jogo são curtinhos, então passa aquela sensação de aperto, com um monte de inimigos aparecendo por todo lado. São quatro tipo de jogos,  Disputa de Times, Todos Contra Todos, Captura de Pontos e Rei do Pedaço. Achei todos bem parecidos, já que são as mesmas classes e mesmos mapas, mas me agradou bastante o de captura de pontos.

Joguei com um amigo, achei meio chato não poder ficar na mesma partida frequentemente e só entrarmos em um servidor. Daí tivemos que ir na lista, escolhíamos uma sala com algumas pessoas e ping baixo para então entrar. As vezes algumas salas tinham poucas pessoas, mas assim que entrávamos começava a aumentar rapidamente. Acho que o povo fica procurando o melhor lugar.

Agora se você for jogar sozinho, a experiência de aprendizado pode ser bem melhor, pois existe um botão que é só clicar e o jogo procura automaticamente algo que seja mais adequado para suas habilidades e também seu ping. Portanto acaba sendo menos frustrante o fato do jogo ser difícil pra cacete.

Pra pessoas como eu que não são muito habilidosas em jogos de tiro, pode ser só a bagaceira, isso porque morrer é fácil demais nesse jogo. Você não toma um milhão de tiros e morre, as vezes você só entra e morre, e de novo e de novo e de novo... Sendo assim uma sala de treinamento seria muito bem vinda. 

Enfim, esse jogo pode ser um ótimo passa tempo para fãs de tiro, os gráficos são muito bonitinhos, os requerimentos mínimos são baixos pra caramba e rodam em qualquer pc barato, e o ganho de nível, caixas e armas pode ser empolgante pra caramba e te fazer querer jogar outra partida para evoluir. Quem se interessar pode conferir a página do jogo na steam.


Nenhum comentário: