Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

sábado, 10 de junho de 2017

AereA - Instrumentos musicais são armas nesse ARPG

Hoje vou falar sobre esse jogo que se destacou por ser um Action RPG onde todos os personagens são bardos e usam seus instrumentos musicais para lutar. Infelizmente no fim das contas é um jogo que acaba não sendo voltado para o público hardcore e acaba dando certo, mas para um outro tipo de audiência.



A história se passa na ilha flutuante despedaçada chamada Aezir, onde tem uma gigantesca escola de música liderada pelo Maestro Guido. No entanto o mundo entra em desequilíbrio quando desaparecem nove instrumentos primordiais que mantém a harmonia e assim seus discípulos são enviados para tentar resgatá-los.

Eu achei o universo do jogo em geral muito bacana, algo todo baseado em música, essa ideia de uma escola poderosa e músicos guerreiros é bem fantástica. Apesar de todos serem bardos, eles também tem classes, e assim o jogador pode ser cavaleiro, mago, arqueiro ou "atirador". Juntando isso ao fato de que tem modo cooperativo pra quatro, o jogo fica bem mais robusto.

Mas infelizmente nem tudo é maravilha, o que eu estava esperando era um Action RPG no estilo Titan Quest, ou mesmo algo com uma jogabilidade bem própria como Book of Demons, porém infelizmente a coisa é bem mais compacta e tá mais pra um Cross of the Dutchman, porém ainda mais simplificado.

O negócio é, esse não é um jogo desafiador de maneira alguma, ele passa a sensação de que você só está andando. Bate nos inimigos, mas não sente que tá tendo algum desafio nisso, e unindo isso ao fato de que os personagens se movem bem lentamente, a coisa acaba por ficar bem neutra a um ponto de você pensar "O que é que eu to fazendo?".

Tipo, até tem coisas bacanas como você ter que matar todos os monstros de uma área pra abrir uma porta, entrar, pegar um bloco, levar até um botão e soltar. Tem esses puzzles e tal, mas tudo é tão suave que não bate aquela emoção. Bom, ao menos não se você for um jogador hardcore e estiver esperando uma experiência mais desafiadora.

Sendo assim, o meu pensamento inicial foi "Nossa, que jogo chato... Eu esperava bem mais!", porém parei pra pensar e acho que se você ver ele como um jogo pra crianças, pode ser realmente maravilhoso. Tem uma história de fácil absorção, não é algo violento já que você não vê instrumentos musicais sangrentos, mas sim notas surgindo no ar enquanto o movimento é feito. E é fácil o suficiente para não frustrar.

Se você tiver um irmãozinho e priminho, esse pode ser um baita de um Action RPG adequado para jogar com ele e se divertir bastante. Algo sem compromisso e que ele vai conseguir acompanhar facilmente o seu ritmo. Ou seja, acaba sendo algo muito bom como jogo introdutório para aqueles que querem passar um tempo com um parente pequeno.

O jogo ainda tem alguns elementos comuns em action RPG, como a lojinha de comprar itens e aperfeiçoamento do personagem. Tudo isso acompanhado de uma trilha sonora que é espetacular, com um coral infantil cantando de uma maneira que deixa a coisa bastante atmosférica, e o gráfico fofinho também é muito bonito.

Enfim, AereA pode não ser dos melhores jogos para um publico hardcore, porém definitivamente é um jogo maravilhoso para crianças e com o modo cooperativo pode gerar ótimos momentos de diversão, ainda mais se você é apaixonado por instrumentos musicais. Vale a pena dar uma conferida no site da G2A pra ver o preço que está lá, pois muitas vezes eles costumam vender keys da steam por um valor bem mais barato que na própria steam e ainda aceitam boleto bancário. Dê uma conferida no preço que tá lá, clicando aqui.


Nenhum comentário: