Temporario



Jogos | Séries | Filmes | RPG e Tabuleiro | Animes | Creepypastas | Quadrinhos | Livros | Mapa do Blog | Sobre o Blog | Contato |

quinta-feira, 30 de março de 2017

O dia em que a Amazon entrou em barraco com SP

Como vocês sabem, pichações são um tema polêmico. A maioria das pessoas acha horroroso, porém há o grupo que considera como uma arte urbana incompreendida e há até mesmo lendas urbanas em cima disso como o macabro mistério das pichações. No entanto prefeituras em geral estão sempre em combate, porém algo inusitado do início de 2017 foi isso acabar em uma treta entre São Paulo e Amazon.



Bom, o programa Cidade Limpa tem como objetivo dar uma geral na cidade de São Paulo, coletar lixo, plantar árvores, substituir placas quebradas, etc... E uma das coisas é pintar pichações, graffiti e dar retoques em lugares que precisem. Isso acabou chamando a atenção para a Amazon, que viu isso como uma oportunidade para promover o Kindle, aquele aparelho que é super desejado por leitores por usar tecnologia e-ink.

Na propaganda lançada especificamente para o Brasil, são mostradas diversas áreas da cidade em que o programa Cidade Linda pintou paredes. Então vem a pergunta "Cobriram a cidade de cinza?". E nas paredes passam a ser colocadas mensagens de livros, incluindo o tenebroso 1984, em que todo mundo é controlado por uma força maior.

É uma propaganda naquele estilo bem descolado e tal e no geral o tipo de obra que costuma dar muito certo. Como vocês devem saber é possível publicar livros, mangás, hq's, contos, etc de graça na Amazon, e assim é o tipo de vídeo que faz muitos autores independentes apoiarem com força ainda maior. Porém o resultado foi catastrófico e exatamente contrário.


Como o programa Cidade Linda faz com que o ambiente fique mais agradável aos olhos, o povo não gostou muito de ver isso não e desceram o cacete, e obviamente a coisa ficou bastante polêmica. Até mesmo o prefeito da cidade, João Doria, fez a declaração:

"Já que a Amazon gosta tanto de São Paulo, gosta tanto do Brasil, ajude a nossa cidade. Ajude a quem precisa. Se vocês gostam realmente, doem livros para as bibliotecas, doem computadores para as escolas públicas municipais."

E foi exatamente isso que a Amazon fez, imediatamente iniciando uma campanha chamada #AmamosSP e anunciando que doaria centenas de dispositivos Kindle para empresas que promovem cultura e educação, além disso fizeram uma seleção de livros digitais para distribuir gratuitamente através do link https://www.amazon.com.br/amamosSP .

Caramba, que barraco ein? Tenho uns amigos que vez ou outra descem o cacete nesse prefeito, mas achei a estratégia do prefeito bem fantástica, ele colocou em cheque uma baita de uma empresa, fazendo com que ela tivesse que responder e no final São Paulo acabou lucrando uma penca de Kindles uahahaha.

Nenhum comentário: